Três Pontas é o berço da TDI Máquinas e desde que aportou na Capital Mundial do Café e começou a dar os primeiros passos para conquistar o mercado e os produtores de café aqui no Sul de Minas, realiza com maestria e de forma inédita no mercado um Curso de Capacitação em Manutenção e Operação de Colhedoras Electron. Os anos se passaram e em 2017 se chegou a 14ª edição, que iniciou nesta segunda-feira (02) e termina nesta quarta-feira (05).

São aulas teóricas realizadas no Auditório da Cocatrel, e práticas na sede da empresa localizada nos Quatis durante três dias. Esta é apenas uma das etapas. Depois, os clientes que adquiriram as colhedoras fabricadas pela TDI tem a disposição um técnico que treina o trabalhador em sua própria colhedora, de forma individual.

São mais de 100 formandos, trespontanos e gente que veio de cidades da região e de outros estados, que sairão preparados e com um certificado reconhecido. Os operadores estarão aptos a os tratores e implementos agrícolas que utilizam nas lavouras de café por uma das colhedoras Electron, fabricada em Araguari, no Triângulo Mineiro. O curso obedece as normas do Ministério do Trabalho. “Aqui nós temos também gente que estão desempregadas e atentas as exigências do mercado, precisam melhorar o currículo para ser contratados nas propriedades e fazendas”, explica o diretor geral Abdias Eduardo Pontes.

Participantes do curso se reuniram antes de sair para as estações e conhecer um pouco mais das máquinas

Ele revela que a TDI nasceu como fabricante de colhedoras, mas com um projeto. Talvez seja este o segredo de ter conquistado tanto o mercado agrícola. “Nós temos a melhor garantia do Brasil, prometemos e cumprimos o prazo de 5 horas para entrega de qualquer peça, honrando nosso compromisso com nossos clientes”, diz Abdias.

COMPARTILHAR

Comentários