* Conheça o perfil das candidatas ao título de rainha do maior evento da cafeicultura nacional que é realizado todos os anos em Três Pontas 

Duas não precisaram pegar estrada – as candidatas são trespontanas mas representam Três Pontas e Lavras. Já outras enfrentaram viagem, uma delas é do Espírito Santo e percorreu quase 900 quilômetros, até chegar na Capital Mundial do Café. Diferente da distância, o objetivo é único, o de concorrer ao posto de Miss Expocafé 2015, evento que reúne as novas tecnologias disponíveis para a cafeicultura que Três Pontas sedia entre os dias 1º e 3 de julho.

A eleição é uma realização da Wofse Produções, com apoio da  Cocatrel e da Prefeitura Municipal. A vencedora receberá como prêmio uma TV Led 42 polegadas e mais R$ 2 mil em dinheiro. Haverá prêmios para a 1ª e 2ª princesas (câmeras digitais) e também para a Girl Coffee Brazil International.

A escolha acontece na noite desta sexta-feira (29), no Centro Cultural Milton Nascimento a partir das 20 horas e os ingressos para assistir ao evento custam apenas R$10.

A noite desta quinta-feira (28), ficou reservada às apresentações e a uma entrevista coletiva que alguns veículos de comunicação participaram. Bastante descontraídas em um coquetel servido no Restaurante Adega, elas se conheceram e todas, sem exceção, demonstraram a expectativa que tem para a eleição.

Elas eram 11 candidatas, mas duas delas, de Belo Horizonte e Rio de Janeiro, por problemas pessoais tiveram que cancelar as suas participações.

Candidatas ostentam o prêmio, mas já conquistaram a amizade

Brenda Jennifer – São Mateus – ES
Brenda Jennifer – São Mateus – ES

Brenda Jennifer, 22 anos é a garota que veio de mais longe. Ela é de São Mateus no estado de Espírito Santo. Recém formada em Pedagogia, ela diz que a profissão pode esperar um pouco, já que quer aproveitar o tempo agora se dedicando as passarelas e concursos. Ela é um exemplo de quanto a dedicação é fundamental para o mundo miss. Ao contrário de muitas outras meninas, a sua mãe é a grande incentivadora, tanto que foi ela que a inscreveu no seu primeiro concurso. A moça percorreu 890 quilômetros de carro com sua mãe até Três Pontas e conheceu lugares preciosos, que ela nunca tinha ouvido falar. Jennifer se sentiu atraída pela proposta do Concurso e recebeu o convite pelo facebook.  Brenda Jennifer foi Miss São Mateus, primeiro passo da etapa regional que a credenciou para concorrer ao Miss Universo oficial da Band, foi para o Miss Espírito Santo e ficou entre as 10 finalistas. Participou do Miss Brasil Tur em Curitiba e ganhou a faixa de simpatia. “Tudo isto foi em apenas um ano, a partir daí não parei mais. Os concursos abriram muitas portas e já fiz muitos trabalhos, conheci muita gente e visitei muitas cidades”, fala a candidata. São Mateus segundo ela, é uma cidade tranquila do interior do Espírito Santo, localizada quase na divisa com a Bahia. Ela mora na ilha de Guriri, uma praia e um lugar maravilhoso de ser viver, garante Jennifer.

Adrielle Castro – Três Pontas – MG
Adrielle Castro – Três Pontas – MG

A representante de Três Pontas é estreante Adrielle Castro de 19 anos. Além de disputar o título, ela teve uma missão mais que especial, receber no hotel onde estão hospedadas as concorrentes, todas bastante simpáticas considera Adrielle. A expectativa é que tudo dê certo e que a faixa fique aqui mesmo, mas ela não escondeu que está bastante ansiosa.

Camila Suderio – Lavras – MG
Camila Suderio – Lavras – MG

A adolescente Camila Sudério de 17 anos é uma trespontana que está representando Lavras. Isto porque, o regulamento só permite uma vaga por cidade. Com autorização do Município ela que frequenta a Expocafé há vários anos e a família tem ligação direta com a cafeicultura, Camila resolveu disputar.

Érica Carvalho – Três Corações -MG
Érica Carvalho – Três Corações -MG

Érika Carvalho 19 anos de Três Corações, é natural de Monsenhor Paulo, onde foi eleita a Rainha do Café, ainda com 14 anos e disse ser um orgulho representar os tricordianos no Concurso da Expocafé.

Jali Bernardes – Varginha – MG
Jali Bernardes – Varginha – MG

De Varginha veio Jali Bernardes de 27 anos. A Musa do Boa Esporte em 2014, considera que Três Pontas e Varginha fazem um elo. Aqui é onde mais se produz café e sua terra é onde o produto que move a economia da região é exportado, através do Porto Seco. Ela já ficou bastante conhecida quando venceu o concurso realizado pelo time que disputa a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, principalmente em Três Pontas quando vem para as baladas.

Stella Abreu – São Lourenço – MG
Stella Abreu – São Lourenço – MG

Das mais experientes está a candidata de São Lourenço Stella Carvalho de Abreu de 20 anos, que já passou por mais de 20 concursos e tem uma carreira sólida.

Ela diz que já conquistou muita coisa, mas quer sempre mais e apesar de qualquer limitação, tem o sonho de participar do Miss Brasil, representar o seu pais. Ela já saiu do País, foi no Texas e disputou um concurso de categoria teen (para meninas até 18 anos), mas o seu grande sonho é chegar ao Miss Universo, vencendo as etapas mineira e brasileira. A moça que fala bastante e muito extrovertida revela que estuda teatro há dois anos na Escola de Atores do Wolf Maya em São Paulo. Assim que mudou para a capital paulista, teve a oportunidade de gravar e ser protagonista de um clipe com o astro da música sertaneja universitária Luan Santana. O vídeo está disponível na internet, como Suvinil, o Amor Coloriu.

Leticia Oliveira – Baependi – MG
Leticia Oliveira – Baependi – MG

Estreante também é a jovem de Baependi, Letícia Oliveira – Baependi de 19 anos. Adorando conhecer a cidade, ela agradeceu a recepção que teve das outras meninas e já tem uma certeza, de que vai levar para casa boas amizades e o concurso é será a consequência do trabalho.

Sabrina Silva – Passos – MG
Sabrina Silva – Passos – MG

Do município cheio de confecções, Passos, Jéssica Sabrina de 21 anos, tem tido muitas oportunidades e participado de vários desfiles. Para ela, ser a Miss Expocafé, seria de um enorme significado. Seus avós trabalhavam na lavoura e ela se recorda dos seus ensinamentos no trato a lavoura do grão. “É uma oportunidade especial, todas as meninas são todas bonitas e tem potencial. Irá vencer a mais preparada”, opina.

Ingrid Franco – Caldas – MG
Ingrid Franco – Caldas – MG

Ingrid Franco de 22 anos trouxe a beleza das mulheres de Caldas. Ela é outra que já está satisfeita de conhecer gente nova e fazer novas amizades, o que Ingrid leva para toda a vida, mas ganhar o prêmio seria também algo eterno. De cara, ela se identificou com a trespontana Camila Sudério e durante a entrevista, as duas pareciam amigas de longa data. Por este e outros motivos, quer voltar em Três Pontas.

A cobertura fotográfica foi do colunista social do jornal Correio Trespontano Paulo Prado

COMPARTILHAR

Comentários