“Bola pra frente”, esse foi recado deixado nesta sexta-feira (21) pelo adolescente de Campos Gerais (MG) que recebeu em julho um transplante de intestino em Miami (EUA). Internado no Jackson Memorial Hospital há mais de dois meses, Antônio Gleiber Cassiano Júnior, o Juninho, de 16 anos, recebeu alta pela manhã e já consegue se alimentar normalmente.

Na saída do hospital, Juninho e os pais gravaram um vídeo divulgado em rede social no início da tarde desta sexta. “Se Deus quiser, não vou voltar nunca mais. Só fazer os exames de rotina”, informou Juninho, acompanhado pelos agradecimentos dos pais a todas as pessoas que torcem pela recuperação do filho.

Nascido com a “Síndrome do Intestino Ultracurto”, Juninho perdeu 95% do intestino delgado e a partir de outubro de 2014 iniciou a busca por um transplante. Ele passou por tratamento no Hospital Pequeno Príncipe, em Curitiba (PR), até obter na Justiça a cirurgia considerada essencial para garantir sua sobrevivência. O hospital norte-americano, onde foi operado em 12 de julho, é o único em que esse tipo de procedimento já foi feito com sucesso até o momento.

Após o transplante, Juninho ficou 11 dias na UTI se alimentando apenas por sonda. No dia 26 de julho, os médicos começaram a permitir que ele se alimentasse normalmente. A partir desta sexta-feira, ele passa a ter que ir ao hospital apenas para fazer exames periódicos, por isso ainda permanece morando em Miami.

Recuperação
Segundo Rodrigo Viana, diretor de transplantes do Jackson Memorial Hospital, a expectativa é que o menino possa receber alta até o final do ano. “Se tudo estiver bem, eu espero que ele possa passar o Natal aí no Brasil”, disse o médico. (Fonte: G1 Sul de Minas – Foto Reprodução Facebook)

COMPARTILHAR

Comentários