O Corpo de Bombeiros localizou o corpo de Priscila de Fátima Martins de 26 anos que desapareceu após cair no Lago de Furnas no fim da tarde deste sábado (14), no Condomínio Chácara dos Lagos, que fica em Varginha. De acordo com os militares, a embarcação em ela estava virou a cerca de 30 metros da margem.

Priscila Martins (foto) estava com mais oito pessoas, sendo cinco crianças e quatro adultos, quando o condutor teria feito uma manobra, com isso lançado todos na água. Com a ajuda de populares, todos socorridos e outros nadaram até a margem, exceto a dona de casa que desapareceu.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi enviada no helicóptero Arcanjo para o local e outra foi por terra. As buscas por Priscila começaram ainda no fim da tarde e reiniciada na manhã deste domingo. Depois de aproximadamente cinco horas de operação, o corpo da jovem foi encontrado a aproximadamente 55 metros de onde ocorreu o acidente e a uma profundidade de cerca de três metros. Os Bombeiros tiveram muitas dificuldades nas buscas, já que o fundo do lago possui uma grande quantidade de barro, o que dificulta a visibilidade dos mergulhadores.

Fotos: Divulgação Corpo de Bombeiros

O condutor contou à Polícia Militar que estava testando o motor do barco, quando alguns amigos pediram para dar uma volta. Quando ele já retornava a margem, começou a entrar água na embarcação, as pessoas se desesperaram e pularam na água.

Pessoas comentaram que a jovem estava com suas duas filhas que são gêmeas e que morreu para salvar a vida delas. A moça tem familiares em Três Pontas e já morou na cidade. O corpo dela foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Varginha (IML) pela Organização de Luto Cônego Victor e será velado no Velório Municipal da cidade.

Na hora do acidente ninguém usava colete salva vida, o barco tinha capacidade para seis pessoas, mas havia oito pessoas e o condutor não possui habilitação aquática. Ele foi detido pelos Bombeiros e depois encaminhado pela Polícia Militar à Delegacia de Polícia Civil de Varginha.

Barco tem capacidade para seis pessoas, mas tinha oito
COMPARTILHAR

Comentários