*Carro da vítima estava com problemas nos freios e ao fazer uma manobra bateu de frente com veículo que seguia sentido contrário

O acidente que matou o retireiro Lázaro da Silva Filho de 46 anos na BR 265 em Boa Esperança, na noite deste domingo (02), envolveu três veículos e deixou outras cinco pessoas feridas.

Helainy de Lima Silva de 29 anos seguia em um Focus sentido Boa Esperança com outras três pessoas, quando um Fiat Uno conduzido por Lázaro Filho entrou na contramão de direção e os veículos bateram de frente. Lázaro estava com sua esposa Rosilene de Sousa Gomes de 32 anos.

O vendedor Roberval Delfino Alves de 44 anos, que estava em uma caminhonete Fiat Strada seguia atrás do Uno não conseguiu parar, saiu pela contramão e também atingiu o Focus.

A esposa de Lázaro Rosilene de Sousa contou à Polícia Militar Rodoviária Estadual, que um carro com farol apagado teria diminuído bruscamente a velocidade e seu marido teve que desviar uma vez que o carro dele estava com problemas nos freios e acabou atingindo o Focus.

O cirurgião dentista Bruno de Abreu Machado de 34 anos, a bancária Mônica Aparecida da Cunha de 31 e André Luiz Schiavoni Portugal 32 anos, que estavam no Focus, e Rosilene de Sousa que estava no Uno, foram socorridos pelo SAMU para o Pronto Atendimento Municipal de Boa Esperança. O motorista da caminhonete não sofreu ferimentos.

O Corpo de Bombeiros de Varginha foi acionado para retirar a motorista do Focus Helainy de Lima que ficou presa nas ferragens (foto). Os Bombeiros precisaram fazer o desencarceramento para retirar a mulher que sofreu várias fraturas nas pernas e foi encaminhada ao Hospital Bom Pastor de Varginha. Todos estavam conscientes.

Lázaro não era habilitado e o veículo dele foi apreendido. Ele trabalhava em uma fazenda na cidade de Coqueiral. O corpo foi encaminhado pela Organização de Luto Cônego Victor para o Instituto Médico Legal (IML) de Varginha. A Perícia da Polícia Civil esteve no local e vai investigar as causas do acidente.

COMPARTILHAR

Comentários