GEDSC DIGITAL CAMERA

Um Centro Municipal de Educação Infantil da Pró Infância será no Complexo Randal Diniz no bairro Padre Vitor e o outro no bairro Eldorado. Ambas vão atender a 440 crianças de 0 a 3 anos

A pauta de votações da sessão ordinária da Câmara Municipal desta segunda-feira (16), estava carregada. Eles tinham para votar sete projetos de lei do Executivo e dois de autoria dos vereadores, todos aprovados.

O que mais chamou a atenção foi o Projeto de Lei 057 de 22 de abril deste ano, que altera o Plano Plurianual, a Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2016 e faz uma abertura de crédito adicional especial, no valor de R$2.817.165,12 para a Secretaria Municipal de Educação, visando a construção de dois novos Centros Municipais de Educação Infantil, da Pró Infância tipo 1. As creches serão construídas no bairro Eldorado e no Complexo Randal Diniz no bairro Padre Vitor e ambas vão atender a 440 crianças de 0 a 3 anos de idade. Os recursos serão repassados pelo Governo Federal, através do Fundo Nacional de Desenvolvimento Educação (FNDE).

As discussões não foram muitas para a aprovação do projeto. A situação elogiou mais uma conquista do Governo Municipal. Valéria Evangelista disse que as obras é motivo de comemoração e o vice presidente Geraldo Messias (PDT) acrescentou que as duas creches darão mais tranquilidade aos pais e responsáveis de vários bairros.

GEDSC DIGITAL CAMERA

Já o vereador Sérgio Eugênio Silva, líder do prefeito na Câmara, contou que esteve acompanhando o vice prefeito e ex-secretário de Educação Érik dos Reis Roberto em uma viagem a Brasília para viabilizar os recursos. No FNDE tiveram o apoio fundamental do deputado federal Reginaldo Lopes (PT), que sem olhar siglas partidárias agilizou a liberar da verba. Ele surpreendeu a oposição ao anunciar que o Posto de Saúde do bairro Vila Marilena vai voltar a funcionar naquele mesmo local, mas não deu mais detalhes.

O vereador do PT Francisco Botrel Azarias, disse que conheceu uma destas creches que serão construídas em Três Pontas, em Luminárias onde seu filho trabalhou e elogiou o governo petista. Os Centros Municipais terão uma capacidade maior de atendimento e Chico Botrel quer que a presidente afastada Dilma seja oficiada como forma de agradecer pelo investimento.

O líder da oposição Paulo Vitor da Silva (PSL), não reconhece as obras como da atual Administração e sim do Governo Federal.  Revelou que quando esteve em Brasília, em março de 2013, o projeto já existia e lá foram informados de que caberia ao Município apenas acompanhar e que alfinetou que a obra poderia ter saído antes. Se dirigindo ao colega Geraldo Messias, acrescentou que isto prova que o Município não está com problemas de arrecadação. Em tom de ironia, Paulinho afirmou que desta vez não haverá problema de titularidade com o terreno do Complexo Randal Diniz e os recursos certamente não serão perdidos.

As placas onde serão construídas as duas creches já foram colocadas e segundo a Secretaria de Educação a previsão é que as obras iniciem nos próximos dias.

Familiares de Dr. Antônio Mauro Simões Machado participaram da reunião, em que os vereadores aprovaram um projeto de lei que dá nome à estrada rural entre a Rua Maria Josepha de Brito, no Foguetinho, e a rodovia MG 167, entre Três Pontas e Varginha, ao ex-servidor da Justiça
Familiares de Dr. Antônio Mauro Simões Machado participaram da reunião, em que os vereadores aprovaram um projeto de lei que dá nome à estrada rural entre a Rua Maria Josepha de Brito, no Foguetinho, e a rodovia MG 167, entre Três Pontas e Varginha, ao ex-servidor da Justiça
COMPARTILHAR

Comentários