Antes das 7 horas da manhã, trespontanos que se inscreveram para serem atendidos por uma equipe de profissionais do Hospital do Câncer de Barretos, já esperavam na porta do Centro Integrado de Assistência a Mulher e a Adolescente (CIAMA) “Maria Luiza de Mello Vicentini”.

A oportunidade de serem atendidos pela equipe do hospital, que é referência em todo o Brasil, trouxe um movimento incomum à unidade de saúde e os corredores ficaram lotados. Do lado de fora, a carreta chamava a atenção, mas o os exames foram realizados por um médico, um enfermeiro e três técnicos de enfermagem, em busca de detectar câncer de próstata, colo uterino e pele. As 130 vagas disponíveis obviamente foram preenchidas. Foram atendidas 50 mulheres entre 25 e 64 anos com o exame de colo uterino, 40 homens entre 50 e 69 anos para exame clínico (toque retal) e de sangue (PSA).

A carreta estacionada mostrava que lá dentro a equipe do Hospital do Câncer de Barretos atuava
A carreta estacionada mostrava que lá dentro a equipe do Hospital do Câncer de Barretos atuava

No fim da manhã, a maioria dos trespontanos já estavam voltando para casa. Quem fez exames de colo de útero e próstata receberá da Secretaria Municipal de Saúde o resultado em casa após 40 dias úteis. Se houver algum diagnostico com câncer, será imediatamente encaminhado para o tratamento no Hospital de Câncer de Barretos, totalmente gratuito.

Alguns tiveram que retornar a tarde. Pelo menos em 12 pessoas haviam sido detectados a necessidade de uma pequena cirurgia, que seria realizada no próprio CIAMA por causa do câncer de pele. Outros 4 trespontanos ou trespontanas também voltariam para colher material de lesão da pele, que ainda serão investigados.

01
Prefeito Paulo Luis passou pelo CIAMA durante a realização dos exames

Oportunidade criada graças a adesão dos trespontanos e apoio da Prefeitura

O coordenador local do Hospital do Câncer de Barretos Maurício Jota e o prefeito Paulo Luis
O coordenador local do Hospital do Câncer de Barretos Maurício Jota e o prefeito Paulo Luis

A carreta do Hospital do Câncer de Barretos é uma retribuição a adesão que a Prefeitura e os trespontanos dão. A última delas, foi na caminhada Passos que Salvam, realizada em novembro do ano passado. Nela, os que contribuíram, adquiriram kits para o evento que são comercializados pelo Hospital, que trata inclusive das crianças com a doença. A confirmação é do coordenador municipal da unidade Maurício Faria Jota, que acompanhou todo o serviço disponibilizado de perto e fez questão de pontuar algumas questões que acredita serem importantes.

Toda a despesa com a carreta é paga pelo Hospital, inclusive a hospedagem da equipe dos cinco profissionais já mencionados, incluindo o motorista do veículo. O Município disponibiliza apenas o almoço. Maurício afirmou que abraçar as campanhas realizadas, foi fundamental e a prova é a vinda da carreta que é tão disputada por municípios do Brasil inteiro, que traz atendimento de alto nível com uma equipe extremamente competente e preparada.

O prefeito Paulo Luis Rabello (PPS) passou pelo CIAMA, esteve com a equipe que veio para atender os trespontanos e conversou com os pacientes. Solicitando ao coordenador municipal a vinda novamente da carreta, o prefeito quer primeiro retribuir o benefício oficiando o Hospital em agradecimento e se colocou a disposição para ser um soldado nesta batalha que é árdua, permanente e que precisa de ajuda, pois entende que a causa é nobre.

COMPARTILHAR

Comentários