Carlos Alberto Pereira e sua esposa Dâmina de Carvalho Pereira, que assumiu a sua vaga na corrida eleitoral depois da renúncia de seu marido. Foto: assessoria Carlos Alberto Pereira

Carlos Alberto Pereira e sua esposa Dâmina de Carvalho Pereira, que assumiu a sua vaga na corrida eleitoral depois da renúncia de seu marido. Foto: assessoria Carlos Alberto Pereira

O ex-prefeito e candidato a deputado federal Carlos Alberto Pereira renunciou, na tarde de quinta-feira, (07) a sua candidatura a deputado federal pelo PMN, ele fez o anúncio em uma entrevista coletiva. Carlos Alberto renunciou porque seu nome foi impugnado pelo Ministério Público por improbidade administrativa e, no dia 5, terça-feira, o Tribunal Regional Eleitoral julgou, em primeira instância, procedente a denúncia do MP. Por seis votos a zero, a candidatura de Carlos Alberto foi indeferida.

Carlos Alberto reuniu a imprensa em uma coletiva para anunciar sua renúncia a disputa a uma cadeira no Congresso Nacional. CAP lamentou e disse ter sido vítima de perseguição política e fez denúncias veladas aos adversários políticos da época.

Ele declarou que, para a cidade não ficar sem representante no Congresso Nacional, ele indicou sua esposa Dâmina de Carvalho Pereira para sua vaga na disputa eleitoral.

Dâmina é diretora da Rádio Cultura de Lavras e foi, na administração de Carlos Alberto Pereira, a Secretária Municipal de Ação Social. (Fonte: Jornal de Lavras)

COMPARTILHAR

Comentários