Rafael Julião e Fagner Araújo que já possuem uma vasta ficha criminal não se arrependem do crime. Eles afirmaram que é esta é a forma que eles encontram de ganhar dinheiro

Uma comerciária de 25 anos passou momentos de terror, ao ser vítima de assalto na tarde desta quinta-feira (24), no bairro Ouro Verde em Três Pontas.

Graças a ação eficiente e persistente da Polícia Militar, os dois assaltantes de 21 e 23 anos que já possuem uma enorme ficha criminal acabaram presos, depois de mais de 6 horas de buscas e muitos levantamentos.

Laura Rodrigues de Brito de 25 anos chegava em casa, na Praça dos Municípios em seu veículo Fiat Siena, quando foi entrar em sua residência e abordada por dois homens que chegaram gritando anunciando o assalto. Um deles estava armado e apontou a arma para a mulher. Apavorada, ela entregou as chaves do veículo e eles fugiram, levando uma bolsa com um aparelho celular. Eles pegaram estrada vicinal sentido Campos Gerais.

Ao ser informada sobre o crime, a PM iniciou a caça aos bandidos, comunicou o caso às cidades circunvizinhas e as guarnições de serviço se empenharam em fazer os levantamentos, que foram cruciais para encontrar a dupla de assaltantes. As equipes se espalharam por todo o perímetro urbano e principalmente nas estradas vicinais, que dão acessos a municípios como Nepomuceno, Carmo da Cachoeira, Varginha e Santana da Vargem. Foram pelo menos 6 horas em rastreamento até encontrar Rafael da Silva Julião 21 anos e Fagner Araújo Silva de 22 que reside na zona rural, e o carro que a dupla levou. Eles foram interceptados na zona rural de Campos Gerais, ainda tentaram fugir, mas não conseguiram. Fagner foi preso com a arma, que se trata de uma arma de brinquedo, semelhante a uma pistola ponto 40, que foi usada no assalto. Rafael e Fagner confessaram o crime e informaram que haviam jogado a bolsa com o aparelho celular durante a fuga em uma estrada.

Veículo foi recuperado intacto e apreendido para ser devolvido à vítima
Veículo foi recuperado intacto e apreendido para ser devolvido à vítima

Em entrevista, Fagner disse que esta é a maneira que ele encontra de ganhar dinheiro. Já Rafael não se intimida e muito menos se preocupa em voltar para o Presídio. Ele fala que não é moleque e que uma hora vai sair da cadeia. Sobre a audácia de cometer este tipo de crime contra uma mulher, ele ironiza e diz que é um presente de Natal.

Ambos foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Varginha, onde foi ratificado o flagrante. Nesta sexta-feira, a dupla será conduzida ao Presídio de Três Pontas.

Outros crimes de Julião

Rafael da Silva Julião tem envolvimento no mundo do crime desde menor de idade. Já foi preso várias vezes, vai para o Presídio mas sempre volta a atuar.

tiago-antiga-1
Rafael Julião quando foi preso depois de furtar com um menor um carro no Córrego do Ouro

A Equipe Positiva já registrou vários crimes com a participação dele. Em Outubro de 2013, ele e um menor de idade aproveitaram a ocasião e furtaram um carro no Distrito do Córrego do Ouro. Ele pertencia ao vice prefeito de Campos Gerais que entrou em casa e deixou a chave na ignição. Eles precisam voltar para Três Pontas e não pensaram duas vezes. Pegaram o veículo e quando chegavam na cidade foram perseguidos pela Polícia Militar e foram interceptados e presos.

Isto aconteceu poucos dias depois dos mesmos terem sido presos após furtarem uma bicicleta no valor de R$3 mil.

Em novembro também de 2013, ele é acusado de assaltar dois supermercados em Três Pontas. Em um deles, Rafael chegou armado com um revólver, anunciou o assalto e o comparsa foi no caixa e pegou um saco plástico com algumas moedas, aproximadamente R$5. Eles fugiram em seguida.

O outro foi no bairro Morada Nova. O rapaz e outros três menores teriam roubado dinheiro e um garrafão de vinho.

COMPARTILHAR

Comentários