A nova diretoria da 55ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), de Três Pontas está oficialmente empossada para um mandato que será concluído em dezembro de 2018. 

A presidência tem pela primeira vez uma mulher – Doutora Luciana de Sousa Martins (39), advogada há 13 anos, que tem como meta seguir defendendo a categoria e enfrentando os desafios vindouros.

Dr. Luciano Diniz prestou contas de seus dois mandatos e depositou confiança na nova presidente
Dr. Luciano Diniz prestou contas de seus dois mandatos e depositou confiança na nova presidente

A posse foi em uma cerimônia bastante informal e rápida nesta segunda-feira (25). Era para acontecer no início do mês, mas por conta das férias forense e da consequente folga dos advogados, a data foi adiada a pedido deles próprios. Membros da direção e filiados, prestigiaram Luciana Martins e se despediram de Luciano Reis Diniz, que teve seus dois mandatos, de 2010 a 2015, marcados por grandes avanços. Alguns foram citados por ele, para agradecer o apoio que recebeu da classe, de sua diretoria e da secretária executiva Ilma. “Durante estes dois mandatos não deixamos de lutar, não conseguimos tudo que queríamos, mas fazemos um balanço positivo”, avaliou Luciano Diniz. À sua sucessora desejou que ela coloque no cargo a competência e dedicação que tem na vida pessoal e profissional, em defesa dos advogados. “Saio da direção mais estou a disposição, pois eu e meu coração continuamos aqui dentro da OAB”, afirmou o ex-presidente. 

06Ao lado dos pais, Luciana Martins agradeceu a família, seus diretores que demonstraram enorme confiança ao disserem prontamente “sim” para compor a chapa da OAB. Demonstrando humildade e temor a Deus, revelou que a advocacia é sua casa e faz parte de sua personalidade. “Quero cumprir fielmente esta missão e sei que com a ajuda de Deus e dos colegas, alcançaremos nossos objetivos”, adianta a presidente. 

O carinho e atenção que Dra. Luciana certamente irá receber veio das palavras do ex Conselheiro da Seccional Dr. Evanilson Tadeu de Camargo Faustin. Para ele, a vitória da primeira mulher para a presidência é um marco histórico. “Além de serem capacitadas, elas tem mais desenvoltura e qualidades”. São poucas subseções da OAB em Minas Gerais, de acordo com Evanilson comandadas por mulheres.

O companheiro de chapa, o vice Dr. Augusto do Carmo Almeida se colocou a disposição, registrou elogios à gestão de Luciano Diniz e falou da criação da Comissão da OAB Mulher.

Luciana e Luciano, atual e ex-presidente
Luciana e Luciano, atual e ex-presidente

A Eleição

A advogada foi eleita em chapa única em novembro do ano passado. Com 130 profissionais de Três Pontas e Santana da Vargem aptos a votarem no pleito, 74 compareceram. Ela obteve 65 votos, 6 em branco e 3 votos nulos. Completam a direção, o vice Augusto Almeida, secretário Luís Gustavo Reis Chaves, secretário adjunto Edna Ferreira Gomes de Brito, tesoureiro Mateus Miranda Cruz. Os cinco conselheiros são – Juliano Miari Diniz, Juliano Vitor de Brito, Laércio de Oliveira Lopes, Patrícia Melo Reis e Umbelina Maria de Mesquita.

COMPARTILHAR

Comentários