Um trabalhador autônomo de 48 anos, passou por momentos de terror na madrugada deste domingo (07), no bairro Aristides Vieira em Três Pontas.

Ele estava dormindo, quando foi surpreendido por dois indivíduos, um deles armado com um revólver encostou em seu ombro e disse “perdeu, perdeu”. Ainda segundo a vítima, ao perceber a intenção dos suspeitos entrou em luta corporal com os bandidos e eles fizeram três disparos dentro da residência. O autônomo foi agredido com três coronhadas na cabeça.

Eles fugiram em direção a um matagal próximo ao Verdes Eventos e ainda efetuaram mais dois disparos na rua para o alto.

O dono da residência não soube informar se eles haviam furtado alguma coisa da casa.

Armas Tchorquinho

A Polícia Militar foi chamada e começou as buscas pelos suspeitos. Durante rastreamento, informações anônimas indicaram os suspeitos. A dupla foi encontrada na Rua Guido Mendes. Primeiro eles negaram o crime, mas depois o menor confessou que haviam entrado na casa para roubar e só não conseguiram porque a vítima reagiu. Teria sido o menor que agrediu o rapaz com as coronhadas. Ele também levou os policiais militares até o matagal onde haviam escondido dois revólveres, calibres  22 e 38, usados no crime. Em uma casa ao lado onde mora Felipe Bruce da Silva, “Tchorquinho” de 20 anos as roupas que eles teriam usado, inclusive com manchas de sangue que teria sido provocadas pela agressão a vítima foram encontradas.

Tchorquinho foi preso e o menor de 17 anos, todos conhecidos no meio policial, foram encaminhados a Delegacia de Policia Civil.

COMPARTILHAR

Comentários