Os dois tinham um relacionamento bastante conturbado, tanto que Jéssica já havia se separado outras vezes

A balconista Jéssica Helena Mesquita de 23 anos, que foi esfaqueada na noite de segunda-feira (15), pelo ex-marido João Carlos da Silva 28 anos, está internada na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital São Francisco de Assis em Três Pontas, mas passa bem.

Jéssica deu entrada no Pronto Atendimento Municipal (PAM), com várias perfurações, principalmente no tórax e na cabeça, depois de se envolver em uma briga com seu ex marido na casa onde eles moravam, no bairro Parque Veredas.

Ela passou por cirurgia durante a madrugada e está consciente, conversa e já respira sem a ajuda de aparelhos. A balconista já recebeu inclusive visitas da mãe e de familiares.

O caso

O fim do relacionamento de cerca de cinco anos terminou com uma tentativa de homicídio registrado pela Polícia Militar. João Carlos estava em casa, quando Jéssica chegou para pegar alguns objetos e móveis para levar para a casa da mãe, onde ela estava ficando.

Eles começaram a discutir e o acusado teria pegado uma faca e desferido vários golpes contra a ex mulher que caiu na porta do banheiro. O padrasto que estava do lado de fora, em companhia do filho do casal de 3 anos, interveio e também foi atingido na mão. Jéssica foi socorrida para o PAM em estado grave.

O acusado fugiu a pé com a arma utilizada e depois se entregou espontaneamente no Quartel da PM. Ele foi preso e levado para a Delegacia de Polícia Civil de Varginha.

Na tarde desta terça-feira (16) João Carlos foi transferido para o Presídio de Três Pontas. Ele chegou em uma viatura da Polícia Civil de Varginha, onde passou a noite e foi ouvido pelo delegado de plantão. O acusado que confessou o crime estava também com uma das mãos feridas e foi atendido no próprio Presídio.

COMPARTILHAR

Comentários