*Primeira parcela do 13º salário foi quitada em julho, com todos os servidores

O prefeito de Três Pontas Paulo Luis Rabello (PPS), anunciou nesta quarta-feira (02), com exclusividade à Equipe Positiva, que a Prefeitura irá pagar até daqui a 10 dias (12 dezembro), a segunda e última parcela do 13º salário de todos os servidores municipais. Para isto, o Município irá investir R$ 1,5 milhão.

A informação da Secretaria Municipal de Fazenda é que o prefeito também determinou o pagamento do mês de dezembro até o Natal e o investimento para o último compromisso do mês está orçado em cerca de R$3,5 milhões.

Três Pontas foge a regra

A notícia foge a regra do que está acontecendo nas prefeituras de várias regiões de Minas Gerais, inclusive do sul. A situação vivida em outros municípios é de greve, pagamento escalonado e em alguns não há nem mesmo previsão de quando aconteça, em 2016.

De acordo com o prefeito Paulo Luis, é preciso sacrífico e colaboração dos próprios servidores para manter em dia o pagamento dos salários, encargos com o INSS, IPREV, 13º salário, incluindo o pagamento de férias prêmios, tudo que é obrigação de ser quitado, mas que no passado que está ainda vivo na memória dos profissionais, não foram cumpridos. Para o gestor, honrar os compromissos com os funcionários que são fundamentais para a gestão do Município é prioridade. Para manter a “casa” em ordem, várias leis tiveram que ser feitas ou alteradas, ajustando as contas da Prefeitura.

Paulo LuisAlém dos servidores, de acordo com Paulo Luis, fornecedores também tem recebido em dia. Quando perguntamos se algumas medidas drásticas foram tomadas para ocasionar neste equilíbrio financeiro, Paulo Luis responde que isto depende de coragem para tomar decisões “e isto não falta na atual gestão de Três Pontas”.

Dificuldades extremas

De acordo com um levantamento realizado pela Associação Mineira de Municípios (AMM), cerca de 300 cidades (35%) das 853 cidades do estado, não possuem orçamento suficiente para pagar o benefício. Além disso, 43,9% dos municípios pesquisados afirmaram estar com dificuldades para quitar a folha de pagamento e o 13º.

Apesar dos cortes dos gastos, cancelamento de obras e demissões, os administradores ainda não conseguiram a verba necessária para quitar o benefício e afirmam que a principal razão para o atraso é a queda nos repasses federais e estaduais, principalmente do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Segundo a AMM, 76% das prefeituras pretendem realizar o pagamento do 13º salário em uma única parcela, no mês de dezembro, e 23% daquelas que ainda não quitaram a primeira parcela, pretendem fazê-lo ainda em novembro. A pesquisa da AMM foi realizada entre os dias 29 de outubro e 12 de novembro, sendo que, dos 853 municípios de Minas Gerais, apenas 250 responderam ao questionário eletrônico.

COMPARTILHAR

4 Comentários

  1. No meu ponto de vista a crise somente afeta a administração pública quando o gestor não tem compromisso público com aquele (a) cidadão (a) que o elegeu e isso gera um grande impacto,onde tem causado tanta indgnação aos munícipes,inclusive os servidores públicos municipais.Com relação ao nosso município isso vem ocorrendo graças a Deus por que temos um grande administrador pelo qual tenho maior respeito e confiança,inclusive sempre comento com as pessoas se pelo menos 30% de nossos políticos tivesem a mesma atitude e visão de nosso prefeito Paulo luiz,tenho certeza o país não estaria vivendo essa desgraça,por esse motivo mais uma vez quero parabenizar pela excelente administração,pois tudo isso precisa servir de exemplo as demias administração do estado bem como do país.

  2. Estou cada vez mais impressionado com atitude de alguns “POLÍTICOS” de nossa cidade que se acha DONO da verdade.
    Ontem foi um dia muito importante para 316 famílias de nossa cidade, que a muito tempo carregava a esperança e o sonho da casa própria. Porém sabemos que ainda muitos estão esperando este sonho ser realizado. Quatro anos atrás um certo político solicitou minha amizade no face, e mesmo estando em lados opostos eu aceitei por achar que seu objetivo era o bem de nossa cidade, mais para minha surpresa ele acabou desfazendo amizade e me bloqueando. Bom um direito dele, porém o que mais me chamou atenção foi o motivo, pois estávamos todo tempo discutindo democraticamente idéias políticas sobre o nosso município, ele defendo o seu lado e eu o meu, mais isso assunto para uma outra oportunidade.
    Todo processo para construção das 316 casas do Programa Minha Casa Minha Vida, foi realizado na atual ADMINISTRAÇÃO, desde o processo de escolha do local para construção, a compra do imóvel (terreno), empresa que veio construir, assinatura de convênio e dentre outras. Porém tem gente que ainda não aprendeu a falar a verdade e acha que todos são mentirosos “ACORDA” , aceita que dói menos, tenha a humildade de reconhecer o trabalho, competência, dedicação, transparência da atual ADMINISTRAÇÃO. Já que se acha DONO DA VERDADE, diga para todos, mais diga a verdade o porque perdemos o recurso da ETE? O porque devolvemos o recurso da UPA? Sabe qual é a verdade? É que quando tiveram a oportunidade de fazer, não fizeram, encerram administração deixando o município em estado critico, onde até os SALÁRIOS DOS SERVIDORES REFERENTE AO MÊS DE DEZEMBRO/2012, E PARTE DO DÉCIMO TERCEIRO NÃO FORAM QUITADOS, sem contar fornecedores, precatórios e até combustível para abastecer os carros da saúde para transportar pacientes não tinha e praticamente toda frota de veículos da Prefeitura sucateada. Encerro dizendo: ” PARABÉNS A TODA ADMINISTRAÇÃO 2013/2016, PELA SERIEDADE E COMPETÊNCIA NA GESTÃO DE NOSSO MUNICÍPIO”.

  3. Muitos o conhece como alguém que não destila sorrisos, mais é uma excelente pessoa, disposta sempre a ajudar e melhor de tudo excelente administrador. Pensa sempre no bem dos funcionários, adianta mais nunca atrasa, sempre com planejamento. Hj enquanto cheguei uma nova frota de carro vi, quem reparar verá a frota de carros, novos, que conseguiu porque luta para com os deputados. Não tem preguiça de lutar. PARABÉNS PREFEITO.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here