As chamas reapareceram no início da noite desta quarta-feira (26), na Yoshioka no bairro Santana e um caminhão pipa do SAAE voltou para fazer o trabalho de rescaldo.

O incêndio de grandes proporções que destruiu toda a estrutura do galpão no fim da manhã, ainda deu trabalho para funcionários da Prefeitura quando a noite começava a cair. É que o fogo voltou a aparecer em alguns pneus que restavam no local, junto com alguns móveis velhos. Até pouco tempo, o barracão também servia como depósito de pneus velhos que são devolvidos por borracharias e donos de veículos.

O problema reapareceu depois de pelo menos quatros horas de trabalho intenso do Corpo de Bombeiros de Varginha, que chegou para fazer o rescaldo. Uma retroescavadeira foi utilizada para revirar o material que estava em chamas para fazer a extinção do incêndio.

Funcionários da Prefeitura utilizaram pelo menos 15 mil litros de água, de dois caminhões pipas e mais um hidrante de uma empresa que fica ao lado. De longe uma enorme fumaça preta estava sendo vista. O vento forte prejudicou o trabalho e fez com que as chamas se alastrem rapidamente e destruísse a estrutura que é bastante antiga.

As 300 cadeiras do Centro Cultural Milton Nascimento que foram retiradas para uma reforma do prédio foram queimadas. Nas duas vezes, a Guarda Civil Municipal (GCM) deu apoio.

Ainda não se sabe se o incêndio foi criminoso ou provocado por um curto circuito.

COMPARTILHAR

Comentários