A manhã desta terça-feira (18), foi marcada pela emoção no Plenário da Câmara Municipal Tancredo Neves, em Três Pontas. O Dia Nacional da Guarda Municipal celebrado no dia 10 de outubro, foi comemorado com todo o seu efetivo, hoje reduzido a 15 Guardas Civis, que mesmo diante de tantas dificuldades, fizeram cair o índice de criminalidade.

A notícia veio logo no início da cerimônia. Após o musicista Wallace Naves, tocar o Hino Nacional Brasileiro em seu violão. O comandante da Guarda Civil Municipal Edward Naves em tom de despedida comentou a atuação de sua tropa e não economizou nas palavras para demonstrar a dedicação a eles, atribuindo a eles o título de heróis, por trabalharem fardados das portas das agências bancárias, a saída e entrada das crianças nas escolas e sem armas.

Primeiro ele disse que nos últimos quatro anos, graças a atuação da Guarda, houve uma redução de 70% no índice de furtos e 60% nos danos ao patrimônio público, sendo que a maioria dos materiais e objetos furtados foram recuperados. Tudo é fruto da parceria entre as instituições, como a Polícia Militar e Polícia Civil, que ganharam o reforço na segurança pública com a GCM. Ocuparam lugar nas bancadas o Delegado de Polícia Andrey Michel Alves Leite, o comandante da 151ª Companhia Tenente Bruno Neves Tavares, secretários municipais e vereadores.

Naves conhece bem essa turma. Quando ainda cumpria a carreira militar, foi o monitor das duas turmas no Curso de Formação da GCM de Três Pontas. No início foram 45 integrantes, muitos saíram durante a gestão anterior e seguiram outras carreiras. Ele compartilhou da importância dos parceiros fieis e todos aqueles que entendem a missão, que está chegando ao fim, com a sensação do dever cumprido.

Foi Paulo Luis Rabello quem durante seu primeiro mandato, em 2005, criou a Guarda Civil Municipal através de um Concurso Público, abrindo oportunidades e incentivando o estudo destes profissionais através de uma formação superior. O gestor reforçou que as dificuldadesdsc01489 enfrentadas desde 2013 foram muitas e mencionou que recebeu o Município cheio de dívidas, ao que mais uma vez intitulou de herança maldita.

O Chefe do Executivo recebeu homenagens. A placa com os dizeres: Prefeito amigo da Guarda. O Comandante Edward Naves foi o mais agraciado e foi chamado de amigo, mestre e pai, que bem mais que caminhar ao lado dos Guardas, carrega a instituição no coração. Ensinou não só a importância da disciplina, hierarquia, qualidade na prestação de serviço, mas também através do seu exemplo de excelente pessoa e brilhante profissional, possibilitou aos comandados o amor à instituição e o prazer de ser um profissional dessa área. As lágrimas vieram ao ouvir a canção “Ao mestre com carinho”, executada pela música e professor do Conservatório Heitor Villa Lobos, Wallace Naves. Durante a canção, os Guardas Municipais entraram no Plenário e abraçaram dsc01486o comandante. Em seguida seu afilhado, João Pedro apareceu vestido de Guarda lhe entregou uma placa com os dizeres “Combati o bom combate” e ele chorou mais ainda.

Guardas que se destacaram pela eficiência e desempenho ao longo do ano, foram agraciados com diploma, entregues pelo prefeito Paulo Luis Rabello e o Comandante Edward Naves. Foram eles – Motorista padrão: Alcemir Anacleto da Silva; Honra ao Mérito: Leonara Regina Naves; Administrativo: Claudinéia de Abreu (que foi representada por Marileia Bernardo) e Operacional: Mateus de Oliveira Franklin. Empresas de vários setores e seguimentos, instituições e veículos de comunicação que foram parceiros nos últimos quatro anos foram homenageados recebendo Diploma de Agradecimento. A Equipe Positiva foi uma dos homenageados.

Quem também seria homenageado é o deputado estadual Mário Henrique Silva “Caixa”, porém, ele não pode participar e será agraciado na sua próxima visita a Três Pontas. Ele enviou uma justificativa que foi lida pelo cerimonial no início da solenidade.

Comentários