Palco da diversidade cultural e da criatividade de artistas de todo o Brasil, o Festival Nacional da Canção volta para a cena musical com a 46° edição do evento. As inscrições para os candidatos ao troféu mais tradicional da música brasileira já podem ser feitas pelo site do Fenac (festivalnacionaldacancao.com.br), por onde começa o primeiro desafio dos concorrentes.

Todos os anos milhares de músicas passam pela triagem dos inscritos. É uma experiência enriquecedora, garante o mineiro de Belo Horizonte Rodrigo Borges, músico que tem um sobrenome conhecido em capas de grandes discos da MPB, como os do Clube da Esquina. O sobrinho de Lô Borges participou do festival no ano passado e vê no evento mais do que uma oportunidade de revelar artistas: “Acho muito importante para questão de você pegar uma rodagem, uma quilometragem e obviamente defender as cores do seu trabalho autoral. É uma experiência que é válida para você pegar uma estrada”, comenta o músico.

Só em 2015 foram mais de 3 mil músicas inscritas. Este ano o Fenac vai selecionar 80 canções que serão divididas em quatro etapas classificatórias: São Lourenço (29 e 30/07), São Thomé das Letras (5 e 6/08), Extrema (12 e 13/08) e Três Pontas (19 e 20/08). As semifinais e a finalíssima do evento serão disputadas em Boa Esperança, berço do festival, nos dias 2, 3 e 4 de setembro. Ao todo, os participantes concorrem a R$180 mil reais em prêmios.

COMPARTILHAR

Comentários