O Coletivo Juventude Que Levanta e Ousa realiza neste sábado (04), o 2° Ato: Morte na MG 167 NUNCA MAIS! Esta manifestação é uma sequência do movimento criado em janeiro e visa cobrar melhorias nos 26 quilômetros, da rodovia que liga Três Pontas a Varginha, trecho conhecido como “Rodovia da Morte do Sul de Minas”.

Desta vez, eles se concentrarão na Praça Cônego Victor e sairão as 16 horas em passeata rumo ao trevo para Varginha, na Avenida Prefeito Nilson José Vilela. Para chamar atenção a organização pretende que os manifestantes se caracterizem de zumbis, mortos e fantasmas.

MG 1
Em janeiro, manifestantes deram as mãos e rezaram no trevo

Reforço

Cansados de ver tanta gente morrendo neste trecho em acidentes, é que nasceu o movimento a político apartidário, que mobiliza principalmente jovens nas redes sociais. Em 31 de janeiro quando se organizaram pela primeira vez, usaram panelas, faixas, cartazes e apitos para chamar a atenção. O transito foi fechado em alguns momentos, com apoio da Polícia Militar de Três Pontas e da Polícia Militar Rodoviária Estadual. Em um dos canteiros centrais do trevo foram fincadas cruzes, algumas com o nome de pessoas que perderam a vida na rodovia. Não teve tanta adesão, mas foi suficiente para alertar autoridades, porém, mesmo com o novo governo a obra ainda é uma incógnita.

COMPARTILHAR

Comentários