Alessandro Pereira foi condenado a 12 anos de prisão em regime fechado, pela morte do motoboy Renato Batista. O crime aconteceu em julho de 2016, no bairro Bom Pastor, em Três Pontas. O acusado só foi preso em dezembro do ano passado, em São Paulo (SP), pela Polícia Civil de Três Pontas.

O Juri Popular durou quase 8 horas e movimento o Fórum Dr. Carvalho de Mendonça. Familiares da vítima e do acusado permaneceram o todo dia todo no Salão do Juri, que ficou lotado.

Apesar de ter sido condenado a pena mínima, (poderia chegar a 30 anos), a defesa vai recorrer da decisão no TJMG. A acusação não fará o recurso.

VEJA PRIMEIRO VÍDEO COM ENTREVISTA COM O ADVOGADO ASSISTENTE DE ACUSAÇÃO DR. FRANCISCO BRAGA FILHO

ASSISTA AO SEGUNDO VÍDEO – ENTREVISTA COM ADVOGADO DE DEFESA DR. FÁBIO GAMA

COMPARTILHAR

Comentários