Um casal de aposentados está triste e apreensivo com a frequente invasão que a residência deles no bairro Vila Marilena, em Três Pontas. Seu João Gurian Filho de 74 anos mora com a esposa Ana Maria da Silva Gurian 69 anos, na Rua Maria Caetana e, nos dias últimos dias quando chegam da roça encontram a residência toda revirada.

A primeira vez foi há poucos dias antes do Natal. No dia 25, depois de cearem com seus familiares, Seu João e Dona Ana Maria foram descansar na zona rural e quando voltaram tudo o que havia sobrado da festa de Natal foi consumido pelos ladrões. Eles tiveram tempo. Tomaram banho, usaram toalhas do casal e deixaram muita bagunça.

Seu João começa a contar o que aconteceu na última quinta-feira (12), mas para e começa a chorar. Eles voltaram novamente a serem vítimas de criminosos. Ao chegarem em casa, encontraram a porta da cozinha as janelas do quarto arrombadas. Desta vez, o prejuízo foi maior. Furtaram um aparelho de TV 29 polegadas, ferramenta, roupas e toda a compra do mês. Entre os alimentos levados tem arroz, açúcar, óleo e até temperos. A comida que estava na geladeira foi novamente consumida. Eles deixaram para trás muita bagunça e coisas esparramadas até no quintal.

Casal está trocando a porta por uma mais reforçada depois que a residência foi invadida

O casal que sobrevive da aposentadoria que recebem, reclamam dos gastos que estão tendo para consertar os estragos. A porta da cozinha já está sendo trocada por uma mais reforçada, mas a janela de um dos quartos, que teve uma parte arrancada ainda continua com pedaços de madeira.

Eles só esperam que as pessoas que estejam fazendo isto, parem. “A gente queria que eles tivessem dó da gente. Nós não prejudicamos ninguém, não temos inimizades. Vivemos no nosso canto e quase nem saímos na rua”, contou dona Ana Maria.

Em todos os casos a Polícia Militar foi chamada e registrou boletins de ocorrências. Os casos serão investigados pela Polícia Civil.

COMPARTILHAR

Comentários