Ele foi reeleito presidente da Associação Comercial sem disputa

Em dezembro do ano passado, o empresário Michel Renan Simão Castro foi reeleito presidente da Associação Comercial e Agro Industrial de Três Pontas (ACAI-TP). O novo mandato de três anos, já está em vigor, porém, será oficializado em uma cerimônia marcada para o dia 27 de janeiro, onde será apresentado o que foi realizado até agora e o planejamento para 2015 da nova diretoria.

Não houve disputa e uma única chapa foi aclamada. Além de Michel Renan, completam a direção, o vice presidente Bruno Dixini Carvalho, o 1º Secretário Tiago Miranda de Figueiredo, o 2º Secretário:  Eduardo Reis Chaves, o 1º Tesoureiro: Alberto Vitor da Conceição, 2º Tesoureiro: Sávio Martins da Costa Garcia, o Diretor Social Diego Ferreira Andrade, o Diretor de Relações Públicas, Propaganda e Marketing: Allan Piva Oliveira, o Diretor de Eventos Edward José Diniz e o Diretor de Serviço de Proteção ao Crédito Reginaldo Vitor Andrade. O Conselho Fiscal efetivo está formado por Edward José Diniz, Euler Dias e Sérgio Henrique Ferreira. Os seus suplentes são Delson Lamaita Miranda, Daniel Carvalho de Miranda e Rovilson Vitor da Silva.

O presidente da Associação Comercial Michel Renan, falou à Equipe Positiva sobre o seu mandato que terminou e os desafios e objetivos a serem alcançados no novo mandato.

Equipe Positiva – Como é para você ser reeleito presidente da ACAI?

Michel Renan – Fico feliz em poder estar a frente de uma entidade tão representativa por mais três anos. Juntamente com a diretoria, faremos um planejamento para alcançarmos as nossas metas pré-estabelecidas, podendo assim reverter muita coisa boa para nossa cidade.

A que se deve a aprovação do seu trabalho que lhe deu a sua reeleição? 

Acredito que foi devido as inovações que trouxemos para entidade, onde tínhamos alguns metas e as conquistamos facilmente, devido ao apoio que angariamos de nossos associados e da comunidade. Fizemos um levantamento e chegamos a um número bastante motivador. Através de amostragem tivemos 92% de aprovação do nosso trabalho. 

Quais os trabalhos mais importantes você destacaria que aconteceu durante o seu mandato? 02 

Vocês nos acompanharam nestes três anos. Foram muitas realizações, onde no inicio queríamos que nossa entidade fosse ouvida e lembrada. Em seguida, seria aumentar expressivamente o número de associados. Por fim vieram as realizações, dentre elas irei destacar algumas, sendo: aquisição de um nova moto zero km; substituição dos computadores da entidade; remodelação e aumento da sala de informática; debate com os candidatos a prefeito em nossa entidade, transmitido pelas rádios locais; explanação do Promotor de Justiça na sede da ACAI-TP, falando sobre o TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), celebrado com o gestor municipal, esclareceu sobre a necessidade desta medida e muito nos honrou quando disse que esta visita se deu devida a boa credibilidade que a entidade tem no município; solicitação ao Governo Municipal para o dia do Padre Victor tornar-se ponto facultativo, e por iniciativa do Executivo e anuência do Legislativo a nossa demanda tornou-se válida este ano, podendo assim os empresários locais abrirem suas empresas nesta data, quando recebemos um enorme números de visitantes de outras cidades; volta das campanhas dos dias dos namorados, Dia das Mães e Campanha de Natal; realização do PRONATEC em nossa entidade, sendo uma das primeiras a realizar no Estado; diversos cursos de capacitação gratuitos, onde ao término destes, alguns alunos já saiam empregados. Durante estes três anos passaram pelos eventos da ACAI, entre palestras, treinamentos, cursos, work shopping mais de 22 mil pessoas, um número bastante representativo, o qual não esperávamos atingir. Em muitos deles arrecadamos alimentos e os revertemos a entidades da cidade. Implantamos o correspondente bancário do BDMG onde já viabilizamos inúmeros empréstimos e financiamentos a nossos associados, com taxas bastantes reduzidas; convertemos nossa videoteca toda para DVD; criamos a Medicina do Trabalho na entidade, sendo uma das realizações onde tínhamos como uma das maiores reivindicações dos associados; implantamos o Programa de Orientação ao Estudante (PROE), iniciativa esta que realizamos devida a demanda crescente de jovens querendo adentrar ao mercado de trabalho. Em conjunto para este próximo ano, queremos fomentar este projeto com o “Aluno Padrão”, onde premiaremos os melhores estudantes, dando preferência a estes no projeto e dando as melhores oportunidades aos que se destacarem; realizamos ano passado em homenagem ao Empresário Revelação e Mérito Empresarial, o show do cantor Emmerson Nogueira, considerado uma das melhores festas da nossa cidade, não menos expressiva e contando com duas bandas maravilhosas, tivemos a homenagem aos agraciados com o prêmio neste ano; realizamos dois projetos muito representativos, um com profissionais da beleza e outra para costureiras, onde formalizamos estes profissionais ao MEI, assessorando através de práticas menos agressivas ao meio ambiente e a saúde deles juntamente com nosso departamento de Medicina do Trabalho, e por fim os capacitamos  durante um bom tempo, colocando-os aptos a receberem financiamentos de instituições financeiras. Realizamos o EMPRETEC em parceria com o SEBRAE, considerado o melhor seminário mundial pela ONU e que não ocorria em nossa cidade desde 2007. Solicitamos ao IPEM a fiscalização das balanças instaladas na MG 167, próximo a Santana da Vargem e entre Três Corações e Varginha, que originaram devido a discordância das pesagens, onde foi realmente constatada irregularidades e para o próximo ano entraremos com uma ação coletiva para ressarcimento de todas as multas recebidas nestas balanças, e através de levantamentos preliminares já constatamos mais de R$100 mil que nossos associados terão direito a serem ressarcidos. Isto se deu devido ao prestigio e bom relacionamento que nossa entidade conquistou, pois hoje somos ouvidos e respeitados. Promovemos a Semana do Empresário e do Empreendedor, uma meta que tínhamos muita esperança de alcançá-la, e nos surpreendeu o sucesso deste evento, o qual queremos que cresça a cada ano.Tenho muito mais a relatar, mas para não ficar cansativo outras realizações e parceria com outras associações estão catalogados na ACAI-TP.

Quais os desafios para o segundo mandato? 

Os desafios serão muitos. Os associados e a  comunidade em geral já acostumaram com o movimento que a Associação tem feito. Somos chamados para diversas parcerias, eventos e participações. Saímos da zona de conforto e quando isto acontece a cobrança é muito grande. Mas, inicialmente nossas principais expectativas metas são: a criação da Escola do Comércio na ACAI. O ensino teórico e prático, onde cursando o segundo grau o aluno sai com uma formação inicial; reforma na sede da entidade; realização do EMPRETEC, que há uma demanda muito grande para o seminário; formação de uma incubadora para empresas iniciantes, fornecendo uma assessoria e suporte para diminuirmos a descontinuidade de muitas empresas; a continuidade de nossos eventos o ano todo, entre eles, cursos, palestras, work shopping, treinamentos, entre outros. Queremos que nosso associado sinta orgulho de fazer parte da Associação Comercial de Três Pontas.

O que você espera da ACAI nos próximos quatro anos? 

Espero e conto com apoio de todos, para juntos fazermos de nossa entidade uma das maiores empresas do Município.

Considerações finais. 

Agradeço a diretoria que sempre me apoiou, aos Associados, aos colaboradores da ACAI. A Equipe Positiva que sempre presente em nossos eventos e, a todos, que de alguma maneira contribui para elevarmos o nome de nossa entidade, espero poder continuar contanto com a confiança de todos e, para nos próximos três anos superar a expectativa. Associativismo e cooperativismo, juntos podemos muito mais.

COMPARTILHAR

Comentários