O provedor da Santa Casa de Misericórdia do Hospital São Francisco de Assis Michel Renan Simão Castro, reuniu a imprensa trespontana para prestar contas.

Ele demonstrou em números, o que está sendo feito com as doações que a população está ajudando e quanto elas estão sendo representativas, mas reconhece que não é suficiente para o tamanho da demanda da Santa Casa, que precisa receber os repasses prometidos pelo Governo do Estado de Minas Gerais.

Após mostrar os números, da dívida de R$19 milhões, do déficit mensal em torno de R$400 mil, dos cortes de funcionários (em diversos setores) que irá acontecer nos próximos dias, Michel enalteceu foi sabatinado pelos jornalistas da Equipe Positiva, Rádios Liberdade FM e Sentinela e o site Sintonize Aqui.

Acompanhe a transmissão ao vivo da coletiva feitas pela Equipe Positiva em dois blocos

 

COMPARTILHAR

Comentários