Dnit ainda não tem previsão de quando nova ponte será construída na BR-265 (Foto: Reprodução EPTV)

 

Já completaram dezesseis dias que uma ponte cedeu e caiu no km 300 da BR 265, próximo ao trevo de Nazareno e interditou totalmente o tráfego na rodovia provocando transtornos para quem passa pelo local. Até agora pouco foi feito pelo Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT).

Foram retirados praticamente todos os escombros da ponte que desabou devido as fortes chuvas que caíram no domingo (11). O Ribeirão Casa Nova encheu e, a força da água levou a estrutura de aproximadamente 12 metros. Mas o desvio emergencial, que seria construído ao lado, até agora está suspenso.

Segundo os estudos realizados, a obra levaria o mesmo tempo que a construção de uma nova ponte. Sem orçamento fechado, o Departamento não sabe dizer quando vai começar os trabalhos.

Chuva derrubou ponte e deixou trânsito interditado na BR-265, em Nazareno (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

A ponte liga o Sul de Minas às regiões dos Campos das Vertentes e Zona da Mata. Duas importantes cidades Lavras e São João Del Rey quase ficaram isoladas. Os motoristas que trafegam no trecho estão tendo muitos transtornos. O desvio oficial passando por Oliveira e São Tiago, aumenta a viagem em 80 quilômetros. Existe outra alternativa para quem trafega na região. É o desvio pela estrada vicinal do Distrito de Palmital, em Nazareno.

São aproximadamente 15 quilômetros, e depois é possível voltar à BR 265. O problema é que o motorista enfrenta estrada estreita, muita poeira, buracos, mata burros em situação precária. Quando chove é muito barro, obrigando condutores a redobrarem a atenção. A permissão é para caminhões até 10 toneladas, porém, veículos acima deste peso estão desrespeitando as normas.

Ponte pode não suportar caminhões com carga acima de 10 toneladas – Fotos: Equipe Positiva

 

COMPARTILHAR

Comentários