Por Loui Jordan

Pelo menos por enquanto, o São Paulo é o novo líder do Brasileirão. O time da capital paulista venceu hoje, (05) o Vasco da Gama por 2 a 1 em um Morumbi de poltronas cheias. O tricolor que vinha de derrota na Copa Sul-Americana para o Colón da Argentina, ocupa neste momento a primeira colocação do maior torneio de pontos corridos do futebol brasileiro. O agora líder, aproveitou a derrota, ou melhor, a vitória do Grêmio sábado (04) diante do Flamengo por 2 a 0 em Porto Alegre. Na tabela o São Paulo tem 35 pontos, enquanto o Flamengo está logo abaixo com 34, vale lembrar que esta foi apenas a 17ª rodada.

Resumo dos dois jogos

A vitória do São Paulo foi as duras penas, com pouco mais de 1 minuto de jogo, o equatoriano Rojas abriu o placar para os donos da casa. O tricolor dava pinta que iria vencer com tranquilidade, mas não foi o que aconteceu. O time não conseguia aproveitar os espaços que raramente eram encontrados. O Vasco tentava colocar a bola no chão e solucionar os problemas defensivos da equipe. O cruzmaltino levou perigo em alguns lances na primeira etapa, mas todos sem sucesso, assim como o São Paulo.

O segundo tempo foi definitivamente melhor, o time de Aguirre voltou mais vulnerável no fato de administrar o jogo, cedeu campo e bola ao Vasco em muitos momentos. O Vasco chegou ao empate com Pikachu aos 9 minutos. É bem verdade que o meia recebeu um bom passe e soube definir com qualidade, o problema foi que poucas vezes se viu um sistema defensivo tão espaçado do tricolor de Aguirre. O gigante da colina tinha mais destaque na partida, estava mais próximo do gol da virada, as jogadas pelas beiradas eram as mais perigosas.

O incrível de tudo isso é que foi o tricolor que fez o segundo gol e decretou a vitória. Tréllez entrou no lugar de Diego Souza e fez o que a nação são-paulina queria. Aos 35 minutos da etapa final, em bela jogada de Éverton, o colombiano deixou o tricolor na primeira colocação após 3 anos. O São Paulo visita o Sport Recife na próxima rodada, domingo (12) às 16 horas. Já o Vasco da Gama de Jorginho, visita o Palmeiras também no domingo (12), o jogo será às 19 horas.

No duelo em Porto Alegre, o Grêmio foi mais competente em sua estratégia traçada. O duelo entre o imortal e o rubro-negro dava a compreender um ligeiro favoritismo ao Flamengo. Os dois times já haviam se enfrentado pela partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil, o resultado naquela ocasião foi 1 a 1 e a equipe carioca foi melhor, principalmente no segundo tempo. O tricolor do Rio Grande do Sul sabia que precisaria adotar uma postura mais consistente e acabou adotando.

Mesmo atuando com o time praticamente reserva, o Grêmio não quis saber de disputar a posse de bola com o Flamengo. O jogo se mantinha no meio de campo, o Grêmio fechava os espaços e vez ou outra pressionava. O time de Barbieri pouco agrediu, teve um aproveitamento baixo em finalizações. A receita de Renato Portaluppi durou o jogo todo efoi eficaz durante todo o tempo. Ficou claro que o Grêmio queria dar uma resposta ao seu torcedor.

Os gols da vitória por 2 a 0 saíram com Jael aos 45 da primeira etapa e Marinho aos 2 minutos do segundo tempo. Jael fez uma bela partida, fez o ele sabe e o que a ele é esperado. O Grêmio mostrou que seu elenco é forte e bem treinado, demostrou brio em campo e no futebol competitivo que trouxe a Arena. Ao Flamengo, cabe o preço de administrar três competições. Tanto o Grêmio, quanto o Flamengo, estão muito bem no campeonato e vivos nas outras competições. No próximo desafio do Brasileirão, ambos jogam no domingo (12):o Grêmio recebe o Vitória às 19:00 e o Flamengo recebe o Cruzeiro às 11:00.

Quem será o campeão simbólico do Primeiro Turno?

O São Paulo pela campanha forte após a Copa do Mundo e pela sequência de jogos e adversários, se credencializa para tal. Ao Flamengo não é necessário tanto alarde, já que o time segue forte em todas as competições e é perfeitamente possível ao rubro-negro terminar o primeiro turno na liderança. O Flamengo está jogando um bonito futebol, nem sempre irá ganhar, ainda precisa de alguns ajustes individuais e de opções de jogadas.

O São Paulo é muito bom em seu estilo, peca quando é obrigado a sair dele. O São Paulo é mais limitado que o Flamengo, talvez só não seja em “espírito”, mas isso é subjetivo. Os únicos times além do tricolor e do rubro-negro que poderão liderar o campeonato quando a 19ª rodada se encerrar são: Grêmio, Internacional e Atlético Mineiro.

O Grêmio foca suas intenções nas copas, no entanto é bom respeitar. Internacional e Atlético só possuem o Brasileirão para disputar. O Galo tenta se reinventar com seu plantel. O Inter está sempre na cola dos líderes, os dois não vencem o campeonato brasileiro há décadas, parecem que estão aquém de disputar um futebol regular como os dois primeiros colocados, entretanto é bom ficar de olho. O 17° encontro do Brasileirão conta com um novo líder, apesar do jogo entre Atlético Mineiro e Internacional fechar a rodada, nada irá mudar na liderança, embora tudo esteja em aberto até o final do turno.

 

COMPARTILHAR

Comentários