* Operações desencadeadas nesta quinta-feira mobilizaram mais de 30 PM’s de forma ostensiva

Três Pontas não fugiu a regra de realizar nesta quinta-feira (26), a Operação Evidência, desencadeada nas 853 cidades de Minas Gerais. Prevenir a criminalidade, principalmente os crimes violentos, como por exemplo, roubos e assaltos, registrados com frequência nestes últimos dias em bairros da cidade, estavam entre os objetivos. Apesar deles assustarem, a situação está dentro do controle e as cidades da região também registraram aumento nesta modalidade. O aumento é provocado por pessoas que vivem no mundo do crime, que sempre são presas, mas quando ganham as ruas por força de uma lei falha, voltam a agir.

Planejada para reforçar a sensação de segurança dos cidadãos e também coibir a ação dos criminosos, a operação contou em Três Pontas com 34 militares circulando simultaneamente pela Cidade.

05Em conversa com jornalistas da imprensa virtual nesta quinta-feira (26), o comandante da 151ª Companhia de Policia Militar, Tenente Bruno Neves Tavares (foto) contou que o dia começou com o cumprimento de um mandado de busca e prisão a um trespontano que deveria estar preso e estava sendo procurado. Juliano Vitor da Silva de 35 anos, foi preso em casa nas primeiras horas da manhã, no bairro Antônio de Brito, enquadrado na Lei Maria da Penha.

Durante todo o dia foram cumpridos 2 mandados de busca e apreensão. Blitz de trânsito nas vias de acesso a zona urbana, inclusive com busca no interior de alguns, visou fechar a entrada de drogas, armas e pessoas de outras localidades que queiram se infiltrar por aqui para agir ao arrepio da lei.

Na parte da manhã, os policiais militares se concentraram em grande número no Centro, na Operação Presença, até o chamado para atender a um assalto registrado em uma farmácia no bairro Aristides Vieira, por volta das 11 da manhã. Com um desfecho satisfatório, os dois bandidos foram presos e um menor, conhecido por sua atuação em assaltos foi apreendido.

Dos 8 assaltos registrados somente neste mês de março, incluindo o desta quinta-feira, são sempre cometidos pelos mesmos. Nove envolvidos já foram presos ou apreendidos. Os que são menores não chegam a ir para o Presídio, outros não são feitos flagrante, mas a maioria está presa. “Estas prisões desestabilizam os criminosos que estão cada vez mais organizados e integrados”, garante o Comandante.

É importante divulgar, que o boletim estatístico da própria Policia Militar, aponta que os crimes violentos em Três Pontas não se concentraram em apenas um determinado bairro, dia da semana, ou horários, o que acaba sendo uma dificuldade a mais para a Corporação. Por isto, foi preciso identificar aqueles que estão sempre aprontando e intensificar de forma maciça as abordagens, através da Operação Inquietação.

PM apreendeu moto usada por condutor que não obedeceu ordem de parada
PM apreendeu moto usada por condutor que não obedeceu ordem de parada

A Operação durou o dia todo e por volta das 22:30, um rapaz em uma moto fugiu da Polícia no bairro Morada Nova. O motociclista não teria obedecido a ordem de parada e foi perseguido pela Rua Barão da Boa Esperança. O veículo foi abandonado em uma rua sem saída do bairro Vila Campos. Uma moradora viu quando o rapaz empurrava a moto e a estacionou atrás de um caminhão. Ele saiu correndo sem retirar o capacete da cabeça e conseguiu fugir. A PM continua o rastreamento para identificar e prender o rapaz. A moto foi apreendida.

COMPARTILHAR

Comentários