Érik Magno pratica furtos desde menor e como não tem apoio da família, pediu para ficar preso

Érik Magno de 21 anos é um velho conhecido da polícia. Pratica furtos constantemente para manter seu vício e para viver. Na tarde desta sexta-feira (29), ele foi preso novamente depois de ter furtado fios de cobres em uma maçonaria no bairro Bom Pastor.

De acordo com o Sargento da PM Rogério Rosestolato, uma viatura o abordou em atitude suspeita mas ele não estava com nada. Contudo, no mesmo momento, a Sala de Operações recebeu um chamado de que um rapaz com as mesmas características dele, teria invadido a maçonaria e praticado um furto. Quando foi questionado, Érik contou que havia pulado o muro do local e arrebentado alguns freezer’s para furtar fios de cobre. A Polícia Militar iniciou rastreamento e encontrou o receptador, um menor de 16 anos que comprou o material por R$5. O menor foi apreendido e conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Varginha, junto com Érik Magno onde foi feito o flagrante.

Preso muitas vezes, Érik tem família, que é de São Paulo mas mora há muitos anos em Três Pontas. Eles já tentaram ajudá-lo, mas desistiram porque ele furta da casa da própria avó para manter o vício das drogas. Ele mesmo contou em entrevista à Equipe Positiva que usa drogas desde os 14 anos de idade.  Como não tem lugar para morar, o acusado não se intimida em falar o que pensa e pediu para ficar preso. “Eu não tenho o que comer, beber, nem roupa para vestir, por isto, o melhor é eu ir para o Presídio, mas toda vez que vou para Varginha eles me liberam e tenho que voltar a pé”, conta o preso. Acostumado a fazer o trajeto na MG 167, ele gasta 8 horas para voltar para Três Pontas.

DSC02652

OUÇA A ENTREVISTA COM ÉRIK MAGNO NESTA SEGUNDA-FEIRA A PARTIR DE 7:50 NO JORNAL DA EQUIPE POSITIVA NA MEGA FM 89,9

COMPARTILHAR

Comentários