A Polícia Militar prendeu na noite desta sexta-feira (22), um jovem suspeito de ter praticado nos últimos dias pelo menos dois roubos a supermercados em Três Pontas. Uma guarnição fazia patrulhamento pelo bairro São Judas Tadeu quando viu Rafael da Silva Julião de 18 anos. Ele tentou fugir, pulou o muro de várias residências e entrou num matagal, mas foi preso. O irmão de Thiaguinho estava com uma faca e a justiça já havia expedido contra ele um mandado de prisão preventiva. Ele tem seguido o mesmo caminho do irmão e na última semana é suspeito de ter roubado pelo menos dois supermercados. Um foi no bairro Aristides Vieira na tarde de terça-feira (19). Dois rapazes chegaram em frente ao estabelecimento onde um motociclista tinha acabado de estacionar sua moto. Um deles armado com um revólver anunciou o roubo do veículo, enquanto o outro também armado entrou no supermercado e roubou um saco plástico com algumas moedas, aproximadamente R$5. Eles fugiram na moto e deixaram caiu um boné.

No outro caso, o roubo foi no bairro Morada Nova. Rafael e outros três menores teriam roubado dinheiro e um garrafão de vinho. Na saída ainda danificaram um computador do estabelecimento fugiram.

A última vez que foi preso foi quando ele e um adolescente de 17 anos, furtaram o veículo do vice prefeito de Campos Gerais, no Distrito do Córrego do Ouro. Eles estavam na comunidade rural quando viram o carro com a chave na ignição. Não perderam tempo, furtaram o automóvel e seguiram para Três Pontas. A Polícia Militar de Campos Gerais acionou a PM de Três Pontas que imediatamente deslocou até saída da cidade. Não demorou nada para se depararem com o carro furtado sendo ocupado pelos dois jovens. Eles não obedeceram a ordem de parada, porém, não imaginaram que várias equipes de policiais fossem acionadas. Eles pegaram a Avenida Barão da Boa Esperança, subiram sentido bairro Antônio de Brito, passaram pelo Morada Nova e no Aristides Vieira abandonaram o carro no meio de um matagal próximo ao SEST/SENAT. Eles ainda tentaram fugir a pé, invadiram uma casa mas os militares fizeram o cerco e a dupla foi presa. Os dois disseram que haviam ido de excursão ao Distrito assistir uma partida de futebol no domingo, mas acabaram ficando para trás. A forma que encontraram de voltar para casa foi furtar o carro em que o motorista também contribuiu deixando a chave na ignição. Depois eles iriam trocá-lo por drogas.

Rafael da Silva Julião foi preso e levado para a Delegacia de Polícia Civil de Varginha.

COMPARTILHAR

Comentários