Uma
jovem de 25 anos foi morta na noite desta quarta-feira (09), no bairro Peret em
Três Pontas. Euquilaine Vaz foi atingida no peito por um golpe de faca desferido
por Jucelino Vitor Dias de 55 anos, padrasto da moça. A mãe dona Maria de Jesus
Vaz, conta que estava com a filha por volta de 21h30. Ambas haviam ido a zona
rural procurar trabalho, passaram em um bar em frente a um posto de combustível
no bairro Peret, onde a vítima encontrou uma amiga, deu-lhe rapidamente um
abraço e seguiu pela Avenida Oswaldo Cruz, quando foi surpreendida pelo acusado
que estava de bicicleta. “Não deu tempo de nada. Ele deu a facada na minha
filha e fugiu”, disse. Segundo informações, depois do crime ele teria ido até a
casa onde mora no bairro Azarias Campos pego seus documentos e fugido. A jovem
foi socorrida com vida para o Pronto Atendimento Municipal (PAM), mas não
resistiu ao ferimento e morreu.

Familiares
ficaram a parte da manhã desta quinta-feira na porta do Necrotério e pediam por
justiça, inclusive a filha de Euquilaine de 10 anos. Inconformados com o crime,
alguns chegaram a dizer que vão fazer justiça com as próprias mãos. Dona Maria
revelou que vivia com o verdureiro há 10 anos e a filha que mora em Belo
Horizonte estava a visitando desde a semana passada. O rapaz tinha ciúmes da
relação da mãe com a filha e teria ameaçado depois do crime matar o outro filho
da esposa. Familiares informaram que o acusado teria sido visto em uma
propriedade rural próximo da cidade. A Polícia Militar esteve no local, mas ele
não foi encontrado. As buscas continuam. O corpo foi levado para o Instituto
Médico Legal (IML) de Varginha.

Familiares na porta do Pronto Atendimento Municipal na manhã desta quinta-feira


COMPARTILHAR

Comentários