As polícias Civil e Militar prenderam Gileno Cardoso de Paula “Gatinho” de 33 anos, durante operação na tarde deste domingo (22) no bairro Vila Marília em Três Pontas.

Gatinho estava foragido desde o ano passado do Presídio da cidade e a Polícia Civil já vinha monitorando os passos dele. Na tarde deste domingo, ele foi visto chegando na casa da namorada em uma motocicleta. Os policiais foram até lá e prenderam Gileno Cardoso no imóvel. Ele estava escondido debaixo da cama e desta vez não ofereceu resistência. Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Varginha.

No mês passado, quando realizavam a Operação Pica Pau, uma equipe de policiais civis viram o rapaz dirigindo um veículo na Avenida Ipiranga. Ele foi perseguido, empreendeu fuga em alta velocidade, ao fazer uma manobra, subiu com o carro na calçada, colocando em risco motoristas e pedestres e fugiu pela estrada vicinal que dá acesso a Santana da Vargem. Ele entrou em meio a um cafezal na Fazenda Parreiral, local que havia diversos apanhadores de café trabalhando.

As buscas foram exaustivas, envolveu viaturas da Polícia Militar, Polícia Rodoviária e o Grupamento Aéreo da Polícia Civil, o Carcará que estava na cidade. Com apoio da aeronave o veículo foi localizado e apreendido.

A Polícia Civil informou que Gatinho estava morando na zona rural, se escondendo em cabanas e casas abandonadas.

Em dezembro do ano passado, ele e um comparsa tentavam roubar uma motocicleta de quem passava pela rodovia MG 167, na saída para Varginha próximo do motel. Gatinho fugiu para um matagal, trocou tiros com a PM e fugiu novamente. O parceiro dele foi preso. Gatinho é perigoso, possui vasta ficha criminal, histórico de comportamento agressivo durante intervenções policiais e não se intimida diante das polícias.

COMPARTILHAR

Comentários