*Cada partido tem dois representantes na Câmara que não se reelegeram

Das 11 vagas em disputa na Câmara Municipal de Três Pontas nas Eleições deste domingo (02), sete delas serão ocupadas por novos vereadores, sendo que apenas quatro representantes vão continuar no próximo mandato. Do total, seis são de oposição ao prefeito eleito Dr. Luiz Roberto Laurindo Dias e cinco da situação.

A representatividade partidária no Poder Legislativo mudou bastante. Partidos que nunca haviam feito vereadores, vão pela primeira vez ter representante no poder. Há aqueles também que possuem cadeiras, mas que não tiveram votação suficiente para continuar.

O PDT tem atualmente dois vereadores, Geraldo Messias que ocupa o cargo de vice presidente e Vitor Bárbara. Ambos não foram reeleitos, mas em compensação o partido fez três vereados na coligação com o PSDB – o vereador mais votado, o professor Maycon Machado e Marlene Lima e ainda o atual vice prefeito Érik dos Reis Roberto do partido tucano.

O PPS, partido do prefeito Paulo Luis Rabello perdeu uma cadeira. Tem hoje o presidente Luis Carlos da Silva, Valéria Evangelista, Sérgio Eugênio Silva e Alessandra Sudério. Luisinho foi o segundo mais votado e Sérgio Silva o quinto. Valerinha não teve votos suficientes para vencer e Alessandra não se candidatou.

O PSD, partido do prefeito eleito Dr. Luiz Roberto Laurindo Dias tem em exercício, Antônio do Lázaro, Itamar Diniz e Edson Vitor “Piu” e perdeu uma cadeira. Itamar e Piu não voltam. A sigla fez Antônio do Lázaro que foi reeleito e Geraldo Prado o popular “Coelho do Bar” que é novo na Câmara.

Um dos partidos que mais surpreendeu foi o PSL. Não reelegeu Paulinho Leiteiro, mas fez Benício Baldansi e o Flavão Motorista e reelegeu o Professor Popó para seu segundo mandato.

O PP na coligação com o PR elegeu Robertinho Vermelho que está de volta a Câmara a partir de 1º de janeiro.

Na lista dos partidos que mais perderam está o PT e o PMDB. O PT não fez o coeficiente eleitoral e por isto não reelegeu ninguém, nem mesmo os atuais vereadores Chico Botrel e Chico do Bairro Santana. O mesmo aconteceu com o PMDB, partido que recebia muitos votos de legenda, quando tinha nele o candidato a prefeito Dr. Luiz Roberto. Com isto, Joy Alberto de Souza e José Henrique Portugal estão fora da próxima legislatura. Mesmo se atingisse o coeficiente, quem iria seria o advogado, ex-presidente da OAB de Três Pontas, Dr. Luciano Reis Diniz.

Os partidos e coligações que não elegeram ninguém, coligação PTB-DEM-PV, PTC, PEN-PCdoB, PT-PRB, PMDB-PROS, PHS-PSC, PMN-SD-PSDC e PPL.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS