• Um deles estava armado com um facão grande

Quatro jovens com idades entre 18 e 21 anos, foram presos depois de roubarem uma padaria no bairro Catumbi em Três Pontas, na noite desta segunda-feira (21).

Os suspeitos que confessaram o crime não tiveram sorte. De acordo com a Polícia Militar, um policial militar que estava de folga passava pela Avenida Brasil, quando foi informado do crime, que tinha acontecido a poucos segundos.

Quatros jovens chegaram ao estabelecimento, um deles armado com um facão, por volta das 20h30. Eles aproveitaram que a funcionária do caixa tinha ido até o balcão e entraram, todos os rostos cobertos com camiseta e anunciaram o assalto. Eles rapidamente se espalharam pela padaria e revezam ao ir até o caixa. Depois de pegarem todo o dinheiro, eles saíram correndo, a pé, sentido a Praça Cônego Francisco.

Antes mesmo das funcionárias ligarem para a polícia, o PM fez contato com as viaturas e as buscas começaram. Uma delas estava no bairro Ouro Verde, realizando a Operação Proteja Seu Bairro e com informações imagens do circuito interno de segurança e por suspeitarem de uma casa onde há denúncias de que suspeitos de furtos costumam se esconderem, este foi o primeiro destino durante a varredura.

Dinheiro levado no roubo, roupas e o facão que usaram foram apreendidos
Dinheiro levado no roubo, roupas e o facão que usaram foram apreendidos

Quando eles perceberam a chegada dos militares, o bando trocava as roupas usadas no crime, ficaram desorientados, tentaram escapar por uma janela dos fundos da residência, mas não conseguiram. Três foram pegos em um dos cômodos, o quarto estava escondido debaixo da cama. Foram presos Ivan Félix dos Santos (20), Flávio Ferreira de Souza (21), Francisco de Paula Vitor (19), o dono da residência e Gleidson de Paula Guimarães de 18 anos. Dois deles tem passagem na polícia.

Eles já haviam dividido todo o dinheiro, R$187,50, em algumas notas e muitas moedas. Na casa também foram encontradas duas buchas pequenas de maconha. Eles foram presos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Varginha.

Francisco de Paula (foto) é conhecido da polícia e é o dono da casa onde os quatros foram presos
Francisco de Paula (foto) é conhecido da polícia e é o dono da casa onde os quatros foram presos
COMPARTILHAR

Comentários