Os planos de um rapaz de São Paulo não deram certo e ele acabou preso no fim da tarde deste sábado (09). Wellington Borges da Silva de 33 anos foi preso depois de instalar um “chupa cabras”, em um caixa eletrônico do banco Itaú no centro de Três Pontas. A ação já é bastante conhecida nas capitais. Bandidos instalam um equipamento utilizado para roubar cartões de clientes. A Polícia Militar foi chamada depois que duas vítimas foram fazer transações na agência e encontraram dois dos três caixas funcionando, porém, em um deles estava o suspeito. Um dos equipamentos estava com problemas e o outro sendo utilizado pelo estelionatário, obrigando assim os clientes a usar o caixa onde estava o aparelho que retia o cartão. Durante a operação, Wellington orientava as pessoas a usarem um falso telefone também instalado na agência para falar com a central de atendimentos. Duas pessoas usaram e passaram diversas informações pessoais, além de digitarem as senhas dos cartões, porém, eles desconfiaram e um deles informou a suposta atendente que iria chamar a polícia. Com isto, o cartão foi devolvido. O outro cliente foi orientado a procurar o gerente do banco na próxima segunda-feira.

A Polícia Militar prendeu no centro Wellington da Silva que confirmou ter instalado o “chupa cabras”. Outros dois rapazes estariam com ele. Segundo o acusado que foi reconhecido pelas vítimas, o trio estava hospedado em um hotel em Santana da Vargem desde a noite de sexta-feira(08), e estavam um Monza branco com placas de São Paulo. Eles teriam observado todas as agências e escolheram a do Itaú para a aplicar o estelionato. Com ele foram apreendidos um celular e outros cartões. Ele portava uma CNH de São Paulo que pode ser falsificada. O rapaz não sabia informar os dados do seu pai e disse que como não tem o nome dele na sua certidão de nascimento, o Detran de São Paulo teria colocado outro nome, pois o sistema não poderia emitir o documento  sem o nome do pai do titular.

Em conversa com os militares ele afirmou que só sabe que a falsa atendente estaria em São Paulo(SP) e que é apenas conhece os outros dois rapazes. O local foi isolado até a chegada da perícia técnica que apreendeu o aparelho. Os outros dois ainda não foram encontrados.

Durante o registro da ocorrência outra vítima foi ao quartel informar que também teve o seu cartão retido pelo caixa. O rapaz foi preso e levado para a Delegacia de Polícia de Varginha.

DSC03583

 

DSC03584

 

COMPARTILHAR

Comentários