Na segunda-feira (01), o prefeito de Santana da Vargem Vitor Donizetti Siqueira Vitor Elói (PT), o coordenador municipal de Esportes e Lazer (Cemel), Luiz Otávio Pereira (Luizão), juntamente com o desportista Carlos Henrique de Souza (Minjolin),  estiveram reunidos no gabinete da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ), na cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

Na Secretaria de Estado, eles foram recebidos pelo secretário Carlos Henrique Alves da Silva, que garantiu que irá envidar todos os esforços para atender as reivindicações do município. “O secretário mostrou boa vontade e disse que vai conversar com o governador Pimentel, para viabilizar  recursos para sua  secretaria”, afirmou Carlos. A reunião contou também com a presença do assessor especial do secretário Ricardo Alexandre Sapi de Paula e teve o objetivo de estreitar um canal que visa fortalecer ainda mais o esporte no município.

Na reunião, os desportistas vargenses solicitaram investimentos para reforma e ampliação do Estádio Municipal Hernani Pereira Scatolino entre outras: a construção de uma pista de skate, recursos para construção de vestiários em campos de futebol nas comunidades rurais, equipamentos de academias ao ar livre e materiais esportivos. Ainda no encontro,  Luiz Otávio solicitou do secretário estadual a realização da Copa Estadual de Futebol Amador no Estado. Segundo Luizão, a primeira fase seria realizada na região e a final no Mineirão, em Belo Horizonte.

“Graças as nossas boas relações com o Governo do Estado e alinhado às diretrizes do nosso prefeito Vitor Eloi, estamos estreitando ainda mais esse contato.  Este encontro certamente vai trazer, além dos benefícios sociais, um aproveitamento ainda mais expressivo das nossas potencialidades, beneficiando uma gama de atletas, das mais variadas faixas etárias, praticantes de modalidades que detectamos relevantes em nosso município”, destacou Luiz Otávio.

O secretário Carlos Henrique Alves disse que recebe as reivindicações e vai procurar atender de uma forma ou de outra as demandas feitas pela comitiva.

 

COMPARTILHAR

Comentários