Micro e pequenos empresários e microempreendedores individuais de Três Pontas, estão recebendo desde segunda-feira (13), a visita de analistas do Sebrae Minas.

Os representantes da instituição estão devidamente uniformizados e identificados com o crachá da instituição, coleta dados do empreendedor e ainda informações sobre a atuação da empresa nas áreas de finanças, mercado, pessoas, acesso a serviços financeiros, inovação e sustentabilidade e ainda sobre os fatores externos relacionados ao negócio. Com a indicação dos pontos fortes e aqueles que podem ser melhorados, o assistente apresenta gratuitamente as soluções que podem contribuir para resultados mais expressivos.

No projeto, totalmente gratuito, a Associação Comercial participa com apoio logístico e ambiente de desenvolvimento de negócios.

“De acordo com a necessidade de cada estabelecimento serão indicados cursos, palestras, produtos e serviços do Sebrae, além de ferramentas que contribuam para a melhoria da gestão dos negócios”, explica a Analista da Unidade de Atendimento do Sebrae Minas, Any Myuki.

De acordo com a assessoria da Associação Comercial e Agro Industrial de Três Pontas (ACAI-TP), foram disponibilizadas para o Município 400 visitas. O diagnóstico e orientação em gestão serão feitos até o dia 30 de abril.

Os interessados ainda podem entrar em contato com a Acai que fica na Rua Afonso Pena, 33 – Centro. Os telefones são 3265-1839 e 9851-2221.

Clique aqui para mais informações

O Projeto

Neste ano, mais de 100 mil micro e pequenas empresas e microempreendedores individuais mineiros irão receber orientações gratuitas em gestão, sem precisar sair de seus estabelecimentos. O Atendimento do Sebrae Minas, que beneficiou mais de 63 mil pequenos negócios em 412 cidades mineiras, começou a partir de fevereiro a atender os empreendedores em todo o estado. Para ser atendido, o interessado deve preencher o formulário no site do Sebrae Minas.

O Projeto faz parte das ações do Sebrae Minas que contribuem para a organização e o fortalecimento do empreendedorismo mineiro, aumentando a fidelização e proximidade com as micro e pequenas empresas e os microempreendedores individuais.

Em 2014, o Atendimento do Sebrae Minas beneficiou mais de 63 mil pequenos negócios em 412 cidades mineiras. Para este ano, a meta é chegar à 100 mil micro e pequenas empresas e microempreendedores individuais mineiros por meio das orientações gratuitas em gestão.

Também estão sendo visitados os pequenos negócios que já foram atendidos pelo Sebrae no ano anterior, para avaliar  os resultados obtidos com a adoção das estratégias sugeridas e fornecimento de novas sugestões, num processo de melhoria contínua.

“Este tipo de atendimento é o primeiro passo na construção de um relacionamento com o cliente. Ele se fortalece na medida em que outros atendimentos acontecem e que conseguimos elevar o nível de gestão das empresas”, completa a Analista Myuki.

COMPARTILHAR

Comentários