O Três Pontas Atlético Clube, o TAC, representante de Três Pontas na 25ª edição da Taça EPTV de Futsal, encerrou sua participação na competição na noite desta segunda-feira (13), com vitória, o que lhe garantiu o troféu de terceiro lugar na maior competição do Sul de Minas.

Depois de perder em Andradas para Cássia, por 7 a 5, restou o grupo lutar por uma colocação que dava o direito a organização deixar em casa um troféu. A busca foi no Ginásio Poliesportivo Delvo Corrêa, no bairro Padre Victor, onde o time trespontano mandou seus jogos. O adversário, São Sebastião do Paraíso que chegou também com méritos e não desistiu da vitória.

O grupo comandado pelo treinador André Luis da Silva estava focado na disputa de terceiro colocado e incentivo não faltou, nem por parte da diretoria, principalmente do presidente Ney Antônio Mendonça que ficou chateado de não ver o seu glorioso Tacão na final, mas que superou a tristeza e, nem por parte da torcida que ocupou toda a arquibancada, pequena e modesta do Poliesportivo.

Não se assustaram quando o TAC começou o jogo perdendo, por 1 a 0, a superação e a virada está no histórico do time que sofreu apenas uma derrota na competição. Nem a casa cheia e a pressão dos torcedores impediram a equipe de fazer 2 a 0.

No segundo tempo, porém, a situação se reverteu e o TAC colocou São Sebastião na roda, balançou a rede cinco vezes, só nos últimos 20 minutos de partida e fechou o placar em 5 a 2, com gols marcados por Regi, o capitão e artilheiro do time, Rafinha Bozó que estava em uma noite inspiradíssima marcando três vezes e Marcelinho. Com exceção do goleiro reserva Bernardo e Nenego, todo o banco foi para o jogo. Baiano que passou por cirurgia não se recuperou a tempo de participar da despedida e assistiu a partida junto aos torcedores.

Quem assistiu a partida, avaliada como a melhor da Taça EPTV, não esconde que o TAC jogou demais, digno de uma final que teve que ser adiada para 2015. Além de levar o troféu de terceiro colocado, o TAC faturou a taça flair play, que premia as equipes mais disciplinadas durante a competição. O time levou apenas um cartão amarelo.

“Nossa equipe está de parabéns. É claro que gostaríamos de estar jogando a final no sábado, mas não foi por falta de vontade. Gostaria de agradecer a todos os apoios que recebemos, sem exceção, e tenham a certeza de que nosso sonho de vencermos a Taça EPTV ainda não acabou”, disse o presidente Ney Antônio, prometendo voltar em 2015. Pelos planos a intenção, neste período é fazer com que os jogadores se dediquem exclusivamente a Taça EPTV.

A final, entre Andradas e Cássia será realizada neste sábado (18) e tem transmissão ao vivo pela EPTV Sul de Minas.

O TAC continua disputando o Campeonato de Júnior da Federação Mineira de Futebol e a Copa do Café, que reune equipes da região. Ambas as competições são de futebol de campo. (foto: arquivo/Equipe Positiva)

COMPARTILHAR

Comentários