Mais uma reunião foi realizada esta semana na Prefeitura de Três Pontas, para definir detalhes da organização das comemorações do 113ª aniversário de morte do Beato Padre Victor, realizada em 23 de setembro.

Ela contou com a participação de membros da Associação Padre Victor, Paróquia Nossa Senhora D’Ajuda, Polícia Militar, Associação Comercial e Agroindustrial e vários setores da Prefeitura.

Barracas restritas ao Parque

O prefeito Marcelo Chaves Garcia (MDB) explicou que as barracas dos feirantes serão montadas somente dentro do Parque Multi Uso, no período de 21 a 25 de setembro. Não será permitido a instalação em outros locais ou no trajeto da Praça Cônego Victor até o Parque. A Prefeitura informou que o local está sendo preparado para abrigar 500 barracas, número suficiente para a demanda, já que em 2017, foram comercializados 260 espaços. Moradores que costumam utilizar a porta de casa para vender comidas, bebidas, ou até mesmo fazer doações não podem utilizar as calçadas, que precisam ficar livres.

Estacionamento restrito

A Avenida Senador Josino de Brito, principal acesso ao Parque da Mina ficará livre para pedestres e não será permitido o estacionamento de ônibus em toda a sua extensão, justamente para facilitar o translado de pedestres. Os locais de parada dos veículos que trazem os romeiros serão a Avenida Oswaldo Cruz, Avenida Prefeito Nilson Vilela e próximo do Foguetinho. A estrada que dá acesso a rodovia MG 167, saída para Varginha, passando ao lado do Motel receberá melhorias. Na entrada da cidade será instalado um outdoor com um mapa explicando como estará a cidade. A Associação Padre Victor comunicará os chefes de romarias que estão cadastrados e que vem todos os anos sobre as mudanças. Os padres avisarão nas missas e novenas sobre a festa e a mudança da Feira. “É preciso que tudo esteja bem definido e divulgado para as melhores condições, porque o fluxo de pessoas é muito grande. Precisamos planejar bem para que as pessoas saiam satisfeitas”, disse o prefeito Marcelo Chaves.

Cada um da organização assumiu sua responsabilidade e  as tarefas foram distribuídas. A Prefeitura e os outros órgãos estão dando suporte logístico. De acordo com o gestor, o objetivo é unir os esforços para receber bem o romeiro e os feirantes, sem atrapalhar a mobilidade da cidade e os moradores.

A Associação Comercial com o Sebrae farão uma pesquisa importante para conhecer o perfil do romeiro que visita a cidade. O resultado dela servirá como parâmetro para definir ações e resolver os problemas apontados no levantamento.

Transporte da Praça para a Mina

Ainda não foi definido horários e preço, mas haverá transporte coletivo que fará um trajeto especial, entre a Praça Tristão Nogueira, a Praça da Fonte até o Parque Multi Uso. De acordo com o prefeito, a intenção é que o percurso seja feito em um curto período de tempo, para facilitar a vida principalmente dos idosos e crianças. Com informações da Associação Padre Victor isto será definido.

Quem deseja participar comercialmente da feira, deve procurar a Associação Padre Victor, responsável pela comercialização dos espaços. A expectativa da organização da festa é que o fim de semana inteiro seja bastante movimento  na cidade e o número de romeiros deva chegar a 50 mil pessoas.

COMPARTILHAR

Comentários