Por Loui Jordan

Com a 25ª rodada do Brasileirão encerrada, uma coisa é certa, o Flamengo já demonstra confiança para ganhar o título. Antes de mais nada, isso não significa que o clube carioca será campeão, só significa que está cada vez mais se mostrando resistente às desconfianças que possam aparecer. Esse encontro do fim de semana comprovou os momentos vividos pelas equipes, alguns se mantém fortes, uns oscilam e outros são sinônimo de fraqueza.

RESULTADOS DA 25ª RODADA

Flamengo se impõe diante do Athlético e Palmeiras segue a caça ao líder

Sobre o Flamengo nem é preciso dizer muito, pois é sem sombra de dúvida o melhor time desse campeonato. Além de visitar e vencer o Athlético, cresceu defensivamente com Diego Alves e somou três pontos que o consolida na liderança. O Furacão é muito bom, mesmo assim não fez sequer o time da gávea sofrer gols.

O Palmeiras por sua vez, recebeu o Botafogo e a equipe alviverde confirmou o favoritismo. A verdade é que o Palmeiras fez o básico, isso ainda é pouco, o Fogão vinha de vitória e é mais uma vez derrotado. O time oscila muito e pelo jeito e performance, lutará até o final para se distanciar da zona de rebaixamento. O Palmeiras segue em busca do líder, mas no momento não tem resultado e futebol que o faça parar o Flamengo.

No jogo do 3º colocado, o Peixe visitou o Internacional. O Colorado foi um pouco melhor, principalmente na segunda etapa. O Santos tem qualidade coletiva, porém, em alguns momentos falta individualidades. O jogo teve três gols, mas nenhum valeu, com o resultado o Inter segue buscando seu lugar na próxima Libertadores, já o Santos por jogar em Porto Alegre, foi um resultado normal, o que também não ajuda muito.

Outro time do G-4 que não teve o resultado a seu favor foi o Corinthians. O Timão fez o clássico contra o São Paulo e o jogo no Morumbi traduziu a realidade das duas equipes. O Tricolor quando vence não convence, por mais que dessa vez tenha merecido muito a vitória, o Corinthians faz com que seu DNA defensivo se torne uma arma contra ele mesmo. Ambos não serão campeões, ambos não jogam tão bem com regularidade, em resultados podem sim, conseguir seus objetivos, mas em futebol de desempenho e alta qualidade, deixam a desejar em certos aspectos.

Grêmio se mostra forte na briga por Libertadores

O tricolor gaúcho conseguiu mais um excelente resultado. Jogando em Belo Horizonte, o time de Renato Gaúcho fez 4 a 1 no Galo e dispensa qualquer comentário em relação ao Grêmio. Isto posto, o Atlético vive em má fase, só ainda não flerta com o rebaixamento porque fez sua parte no início do Brasileirão, contudo, atualmente segue em baixa e sem nenhuma perspectiva fora e dentro de campo.

O outro jogo que merece destaque, é o do Goiás. O time bateu o CSA e conquistou mais uma vitória, nem lembra mais aquela equipe que perdeu de 6 a 1 para Flamengo e Santos, nada mais é do que o melhor time em pontuação do returno e o coletivo progrediu muito. Falando em progredir, o Vasco é competitivo, prova disso é a vitória contra o Fortaleza. O time de Luxemburgo não irá para a Libertadores, assim como dificilmente será rebaixado, ou melhor, dificilmente será premiado ou desqualificado, é uma equipe burocrática, mas tem seus valores, somou três pontos contra um time “chato” que é o Fortaleza, que assim como o Vasco, compensa na determinação e empenho.

Chapecoense e Cruzeiro empatam, ambos seguem muito mal

Começando pelo protagonista da zona de rebaixamento, o Cruzeiro foi até a Arena Condá e empatou com os donos da casa. No conjunto da obra, o Cruzeiro esteve mais perto da vitória e mais uma vez tivemos lance polêmico com um Cruzeiro perdendo algumas oportunidades e contanto com a falta de sorte, se é que essa palavra seja tão explicativa. A Chapecoense segue lanterna e sem grandes expectativas, a Raposa não conseguiu vencer nos últimos jogos e muito menos convencer seu torcedor de que ainda há tempo de escapar, embora realmente haja tempo, tanto Cruzeiro, quanto a Chape, precisam de resultado, mas pra isso é necessário um psicológico melhor.

Os outros dois jogos foram super importantes. O Flu bateu o bom Bahia de Roger Machado, o Fluminense tem conseguido o que o Cruzeiro não consegue, vencer e se distanciar do perigo e manter uma mínima regularidade. O Bahia briga pelo G-6, mas existem times fortes na briga. Por fim, o Ceará que não vencia há 10 jogos, bateu o Avaí no apagar das Luzes, triunfo que complicou ainda mais as pretensões da Raposa e ainda tirou o Ceará da Zona. O Avaí é um virtual rebaixado, no entanto, é sempre bom lembrar, virtual não é real, portanto o Avaí ainda tem chance.

CLASSIFICAÇÃO

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here