As fortes chuvas, acompanhadas de um vendaval provocou alagamentos e estragos durante a tarde desta sexta-feira (05), em vários pontos da cidade de Três Pontas. A estação meteorológica da Cocatrel, registrou 87 milímetros até as 17:00 horas, horário em que a chuva caiu com mais intensidade. Vídeos gravados por moradores e postados em rede social, mostram os estragos.

Em pontos que habitualmente são registrados alagamentos, o cenário se repetiu com a água transbordando nos córregos das avenidas Oswaldo Cruz, Zé Lagoa, Juscelino Kubitschek e Maria da Conceição Queiroz Marinho. O asfalto destas vias sumiram diante de tanta chuva.

Na Avenida Oswaldo Cruz, a força da água arrancou paralepípedos, arrastou dois carros e uma motocicleta e fez com que o trecho fosse interditado. Casas e estabelecimentos comerciais também foram atingidos.

No bairro Vivendas do Bosque, uma árvore caiu no meio da rua e impediu o trânsito de veículos e a passagem de pedestres. No Jardim Julieta, o muro de uma construção localizado na Rua 7, caiu sobre três veículos que estavam estacionados e deixaram estragos generalizados. Nos bairros Santa Edwirges e Santa Inês, um córrego também transbordou e impediu o trânsito na Rua Dr. Carvalho de Mendonça.

Vários imóveis foram destelhados ou tiveram o telhado parcialmente danificados. O ponto mais crítico foi no bairro Santa Maria. Na Rua Antônio Nogueira Rezende, diversos moradores tiveram prejuízo e o trecho ficou sem energia elétrica. Fios ficaram expostos no chão e a rua foi fechada. Eles afirmam que a chuva chegou acompanhada de um vento muito forte, comparado a um tornado. A força dele foi tanta, que arrancou portões, derrubou muros e garagens de várias residências.

Em uma das casas a água descia por um lustre da sala e molhou vários móveis. Em outra, foram os móveis de uma copa ficaram totalmente destruídos, depois que parte do telhado veio abaixo. No terreno ao lado, caiu telhas de um supermercado que fica a cerca de 500 metros.

Durante o temporal, a Polícia Militar registrou um acidente de trânsito na Rua Afonso Pena. Uma van atingiu um carro, mas ninguém se feriu. Não houve registro de pessoas feridas e nem desabrigadas provocadas pela chuva.

Por causa desta chuva forte, a Prefeitura interditou temporariamente a estrada do Foguetinho, onde está sendo feito a obra de asfaltamento da via, ligando o bairro Quatis a rodovia MG 167, saida para Varginha. A medida, segundo nota divulgada, é para garantir a segurança de quem utiliza a estrada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here