O mais novo evento que integra a programação oficial de Aniversário de Morte de Padre Victor em Três Pontas, é um dos mais comentados na região. Organizado pela Paróquia Cristo Redentor, com apoio  das secretarias municipais de Cultura, Lazer e Turismo e Esportes, o último domingo (09), trouxe muita alegria aos participantes da Trolada das Virtudes. A brincadeira que surgiu durante a celebração de uma missa, reuni agora famílias inteiras, gente de todas as idades para descer de trolino a Avenida Nossa Senhora D’Ajuda e uma multidão de expectadores que foram lá relembrar momentos da infância e curtir a descida até a Praça Cônego Victor. Teve trolão com capacidade pára 70 pessoas, que foram ocupados pelos integrantes do projeto Arte Cotidiana e um jovem que até desceu com sua cadela de estimação. É o caso de Roberto Júnior, que se aventurou com sua fiel companheira, a “Valentina” juntos em um único trolinho. A ousadia dele rendeu-lhe o troféu de troleiro mais animado.

Fotos: Equipe Positiva

Cavaleiros e amazonas integram a Romaria dos Cavaleiros

Neste domingo (16), a programação da festa continua com eventos externos as paróquias e em horários bem parecidos. Na Paróquia Nossa Senhora D’Aparecida, as 7:30 da manhã, tem a saída da Romaria dos Cavaleiros e Amazonas, com destino a Capela de Santa Cruz, na comunidade rural da Faxina.

Padre André irá fazer em 2018 o trajeto pela quarta vez e, assim como tantas pessoas que vão, está empolgado e definindo os últimos detalhes para a peregrinação. Na visão do religioso, a romaria é um momento de unir cavaleiros e amazonas na intimidade com Padre Victor em uma experiência de fé. No trajeto, cavaleiros e amazonas conversam, falam sobre a vida, trocam experiências e fazem orações, com depoimentos da vida real, do que Padre Victor fez e continua fazendo maravilhas na vida de cada um.

A romaria foi um evento criado para tirar as pessoas que costumavam ir a cavalo na Capela do Padre Victor no dia 23 de setembro, quando uma multidão enfrenta a estrada de terra para rezar. Com a Romaria dos Cavaleiros, os animais não se misturam aos devotos trespontanos que fazem o percurso na madrugada do feriado municipal. “Nós já tivemos experiência de alguns anos anteriores que não deram certo”, alertou.

Evento já se tradicionalizou. Pessoas de outras cidades todos os anos ligam para ter informações e este ano já tem muitas presenças confirmadas, como de Nepomuceno, Santana da Vargem, Campos Gerais e o Distrito do Córrego do Ouro. Inclusive o horário mudou justamente para atender aqueles que vem de cidades vizinhas. Até o ano passado o horário de saída era as 7:00 da manhã. Muito cedo para quem mora fora, o que fazia com que os visitantes saíssem de casa de madrugada. Este ano, será as 7:30 atendendo a pedidos. Na visão do sacerdote, esta é uma penitência e uma forma de se comprometer com Deus na intimidade, fazer um sacrifício de entrega como Jesus se entregou por nós por amor.

O trajeto é fácil e simples. Sai pela Rua Cônego José Maria, sobe até a Avenida Ipiranga e segue até o “Trevo do Padre Victor”, onde pega a estrada vicinal e depois de sete quilômetros, chega na Capela Santa Cruz onde será celebrada missa, as 9:00 horas.

Foto: Arquivo EP

Ciclistas vão fazer a Trilha das Virtudes

Outro evento deste domingo (16), é a da Trilha das Virtudes. O passeio ciclistico idealizado pelo pároco da Paróquia Cristo Redentor, Rogério Augusto da Silva, em 2013, completa quatro anos e integra a programação oficial da Festa de Padre Victor. Os ciclistas este ano irão percorrer 35 quilômetros, em direção a Fazenda Santa Maria. A concentração será na Praça Padre Francisco, a Praça do Catumbi, em frente a Igreja de Nossa Senhora das Graças, as 7:30 da manhã. Será servido um café com frutas e água. Os participantes devem assinar um Termo de Responsabilidade antes de saírem e usarem capacete e luvas.

A saída está programada para as 8:00 horas e o trajeto será em estrada de terra e trilhas. Ao longo do caminho, padre Rogério revela que haverá algumas brincadeiras que só serão conhecidas na hora, mas ele adianta que a Trilha das Virtudes será ainda mais especial.

Para mais um evento que participa, o sacerdote já fez a revisão na bike. Como ano passado, alguns troféus serão distribuídos. Serão escolhidas pessoas que são observadas ao manifestarem a vivência das virtudes de Padre Victor – fé, esperança e caridade. A trilha é um momento além de diversão e paixão pelo esporte. Ela é capaz de atrair pessoas que não tem o costume de andar de bicicleta e há participação de pessoas de outras religiões. “O intuito é fazer e estreitar os laços de amizade  e oportunidade de compartilhar experiências”, relatou padre Rogério.

Foto: Arquivo EP
COMPARTILHAR

Comentários