Dois adolescentes de 15 e 17 anos, bastante conhecidos no tráfico de drogas foram apreendidos novamente atuando neste domingo, no bairro São Judas Tadeu, em Três Pontas.

A Polícia Militar realizava a Operação Batida Policial nos bairros Jardim Boa Vista e São Judas Tadeu, quando os policiais depararam com os dois, sendo que mais velho, estava agachado pegando algo no chão próximo a eles. De imediato eles foram abordados e com um deles, os policiais encontraram no bolso R$90 em dinheiro em diversas notas e um aparelho celular.

Com o outro havia R$100. No local onde eles estavam os PM’s encontraram 13 pinos de cocaína e 15 buchas de maconha. Chovia na hora da ocorrência. Eles receberam voz de apreensão e acompanhados dos pais, foram levados para a 151º Companhia de PM para registro da ocorrência. Depois, foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil de plantão na cidade de Varginha.

De tudo na ficha criminal

O jovem de 17 anos já foi apreendido duas vezes e mora no Jardim das Esmeraldas. Já o de 15, tem seis passagens policiais por envolvimento com drogas, com atos infracionais inclusive graves, como assalto, atrito verbal, ameaça e dano.

Em setembro do ano passado, ele foi flagrado vendendo drogas no mesmo bairro. O entorpecente ficava em um terreno baldio, o usuário  fazia o pedido, circula no quarteirão e retornava para receber a droga. Quando a PM foi abordá-lo, ele correudemais por várias ruas do bairro, dispensou 16 buchas de maconha pelo caminho e foi capturado.

Porém, o que chama a atenção em seu histórico policial, é que se envolveu em agosto do ano passado, em um homicídio de um menor de 16 anos, em uma clínica de recuperação em Itamonte, onde ele estava internado.

Ele e um colega de 17 anos já estavam tendo problemas com outro interno e resolveram matá-lo. O crime que foi planejado, aconteceu enquanto os três faziam manutenções na Casa. O comparsa dele, agrediu o interno com um golpe de enxada na cabeça. Funcionários da casa tentaram socorrer a vítima, mas o jovem não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Eles fugiram a pé, mas foram localizados logo em seguida.

Na época, os adolescentes foram apreendidos, levados para a Delegacia de São Lourenço e depois de serem ouvidos foram entregues aos seus familiares.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here