Loui Jordan

O incentivo ao esporte é uma das chaves para o desenvolvimento das crianças e os jogos internos escolares não são diferentes. Na quinta-feira (12), a Escola Municipal Professora Nilda Rabello Reis – CAIC, de Três Pontas, fez a abertura de seus jogos internos. O evento contou com a presença de autoridades municipais, como o prefeito Marcelo Chaves Garcia e a secretária municipal de educação, Mariane Pimenta Silva Ávila. Além deles, o economista Henrique Moreira Campos, prestigiou a abertura do 1° torneio entre salas do CAIC.

A cerimônia aberta as 8:00 da manhã, foi recheada de atrações e seguiu todo um cronograma esportivo, com direito a tocha olímpica e o juramento dos personagens que fazem parte dos jogos internos. Tudo foi muito bem espelhado nos Jogos Escolares de julho, onde aliás, o CAIC foi sede. Se os alunos naquela ocasião já haviam ficado impressionados, desfrutar de um campeonato interno pode ser o acesso principal a uma nova perspectiva. Na cerimônia, a Banda Travessia do Colégio Travessia se apresentou e enriqueceu a abertura dos jogos no Ginásio da Escola. A banda mistura ritmos e sons.

O campeonato está sendo disputado por nove salas, sendo os estudantes do 4º e 5º ano. Embora a abertura tenha sido nesta quinta-feira, o campeonato começou no dia 4 de setembro. A competição está dividida em duas etapas – na primeira de setembro a outubro, com futsal masculino e queimada mista. Na segunda será de novembro a dezembro, com salto em distância, corrida de 50 metros e futebol society.

O professor de Educação Física Carlos Roberto Silvério, lembrou o poder que essa abertura pode ter para as crianças. “Já é uma coisa muito diferente para a cabeça deles. Tenho certeza que eles darão muito mais importância nesse tipo de campeonato escolar do que era antigamente”, relata o professor.

 

“A gente agradece o apoio da diretoria, professores, o Marrom e o Adriano que não medem esforços para ajudar e a escola. É isso aí, estando todo mundo trabalhando em parceria, a tendência é só crescer”, destaca Carlos Roberto. Esse ano o aparato para com o esporte foi maior, isso se deve a direção que tem ideais que valorizam mais os alunos e que por consequência, atribuem valores pertencentes ao esporte, como a coletividade, a ambição de vencer e claro, a importância de antes de qualquer coisa, se tornar um cidadão.

O diretor geral Celso Vitor Fernandes Junior, “Marrom”, ressaltou a importância da participação das autoridades no evento. “É muito  importante a presença de todos aqui, pois demonstra que temos apoio na divulgação do esporte”, ressalta Marrom. O diretor falou da importância de se solidificar uma base já pronta. “Nós já temos até uma base pronta. Começamos pelos Jogos Escolares que teve a participação dos nossos alunos. O intuito nosso é proporcionar a estas crianças de vivenciarem coisas que eles não vivenciaram. O objetivo maior é a formação do cidadão com todo mundo já sabe”, pontua o diretor.

 

A Escola planeja outros projetos, incluindo a criação de equipes para disputar os Jogos Escolares municipais, além dos projetos Extraturno e o Karatê, que funciona atualmente com cerca de 300 crianças todas uniformizadas.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here