Preservar a memória é uma das formas de construir a história. É pela manutenção dessa memória, que a Escola Estadual Professora Marieta Castro, realizou nesta sexta-feira (29), um desfile, em comemoração ao Dia Nacional da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro. Estudantes dos turnos matutino e vespertino, aceitaram o desafio e desfilaram para os colegas, professores, funcionários e um corpo de jurados convidados. Na quadra poliesportiva da Escola, muitos venceram a timidez, enfrentaram a passarela, em um tapete vermelho pela primeira vez e foram analisados em quesitos como simpatia, desenvoltura, traje e é claro, a beleza.

Todos demonstraram que é preciso ultrapassar as barreiras do preconceito racial, perceber e valorizar a  influência e as contribuições que os negros proporcionaram à cultura brasileira é reconhecer a própria história. O tema do desfile foi “Basta de discurso racista! Todo dia é dia de se ter consciência”. Todos os candidatos realçaram ainda mais a beleza. O empenho e dedicação dos alunos em se portarem na passsarela eram notórios, no entanto, apenas três participantes levaram as faixas e ganharam presentes. Após a apuração dos votos, os nomes dos estudantes que obtiveram maior pontuação foram anunciados e chamados a frente.

ALUNOS VENCEDORES DO TURNO MATUTINO:

-Jonatan da Silva Santos, 2º ano C
-Carlos Henrique de Oliveira, 3º ano C
-Lucas Esteves, 2º ano A

-Leiliane de Morais, 3º ano C
-Francine Oliveira Silva, 9º ano C
-Maria Eduarda Alves, 1º ano A

ALUNOS VENCEDORES DO TURNO VESPERTINO:
-Braian da Silva Antônio, 6º ano A
-Pedro Lucas de Paula Silva, 9º ano A
-Vicente Antônio Neto, 7º ano C

-Evelin Augusto Francisco, 6º ano C
-Karolaine Lopes Malaquias, 8º ano B
-Larissa de Morais, 8º ano B

COMPARTILHAR

Comentários