Por Loui Jordan

Não bastou o Pentágono (Departamento de Defesa dos Estados Unidos da América) divulgar em 2020 alguns poucos vídeos confirmando a existência de OVNIs. O Governo dos Estados Unidos tem pouco menos de seis meses para fornecer um relatório não oficial sobre absolutamente tudo que os americanos sabem até hoje sobre os tais Objetos Voadores não Identificados.

Após o término da semana que marcou os 25 anos da maior ocorrência da Ufologia brasileira, o Caso Varginha, de 20 de janeiro de 1996, os OVNIs estão em pauta, ou melhor, sempre estiveram para o governo americano. O grande problema está na divulgação de informações que foi praticamente inexistente até os últimos anos da segunda década do século XXI.

Vamos ao que interessa, um OVNI não necessariamente representa uma invasão ou uma presença alienígena, no entanto, uma contagem regressiva já está em vigência, com a seguinte finalidade: que as agências de inteligência dos EUA digam e apresentem ao Congresso o que sabem sobre OVNIs. A título de explicação, quando o ex-presidente Donald Trump assinou um pacote de alívio da pandemia do coronavírus de cerca de US$ 2,3 trilhões em dezembro, essa contagem se iniciou.

Isso se deve ao fato de que esse pacote comtempla uma estipulação que está inserida na seção denominada “comentários do comitê” da Lei de Autorização de Inteligência para o ano fiscal de 2021. Tendo isso em vista, um exame detalhado para se fornecer um relatório deve ser feito, aliás, o tal relatório deve conter dados e análises minuciosas de OVNIs e inteligência, todos coletados pelo Escritório de Inteligência Naval, a Força-Tarefa de Fenômenos Aéreos Não Identificados e claro, o FBI, segundo a diretiva do comitê de inteligência do Senado. (Fonte: CNN Brasil)

Em suma as autoridades supremas da Inteligência Nacional e do Departamento de Defesa, possuem menos de seis meses para divulgar e apresentar o relatório, como já foi dito. Vale lembrar que em abril do ano passado, o Pentágono andou mostrando alguns vídeos pertinentes, digamos assim. O mais interessante é que esses vídeos são arquivados há um bom tempo, um inclusive de 2004. Falando em vídeos, neles aparecem objetos voadores não identificados se movendo rapidamente, por assim dizer, atingindo uma velocidade inalcançável por quem os flagraram, tudo isso sendo gravado por câmeras infravermelhas.

Bom, dois pontos a se considerar. Primeiro, existe um desejo do Congresso Americano em desvendar fenômenos aéreos não identificados, até por uma questão de ética com o público. Segundo, alguns governos nacionais, mas principalmente os Estados Unidos da América, têm muito a divulgar sobre OVNIs, não só esses objetos, mas outros, além é claro da misteriosa Área 51, Bob Lazar que o diga. Existem mistérios, silêncio e uma espécie de ridicularização que parte dos Governos Nacionais contra aqueles que se reservam a cogitar a presença de extraterrestres, mas é claro, isso tudo tem que ser estudado, examinado e divulgado de forma pública, com responsabilidade.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here