A Polícia Civil prendeu na zona rural de Três Pontas, na tarde desta terça-feira (03), o ex radialista Mário de Souza de 61 anos, mais conhecido por “Marinho Mineiro”, condenado por pedofilia. Ele foi condenado pela justiça estadual, a 14 anos e 2 meses de prisão, depois de ter abusado sexualmente de uma sobrinha em 1999, na cidade de Passos.

Marinho Mineiro foi preso em uma casa na região rural da Comunidade do Morro Vermelho, onde vivia uma vida simples. Ele foi levado para a Delegacia de Polícia Civil e com dificuldades para andar por causa de problemas de saúde, precisa de uma bengala para se locomover.

O ex radialista que residiu durante anos no bairro Meia Pataca em Três Pontas também é investigado em outro processo. Aqui na cidade, Mário também é acusado de cometer o mesmo crime. Desta vez, contra seus filhos na época ainda crianças. O processo tramita em segredo de justiça.

Marinho é natural de Itanhomi na região do Vale do Rio Doce em Minas Gerais, trabalhou em uma emissora em Três Pontas e em rádios da região e do interior de São Paulo (SP).

O condenado foi encaminhado ao Presídio do Município, onde permanecerá a disposição da justiça estadual.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here