Foto: Arquivo Fenac


Cidade volta a receber etapa entre os dias 16 e 17 de agosto. Fenac divulgou as localidades que o evento irá percorrer este ano

Músicos e artistas, trespontanos e visitantes podem comemorar, porque Três Pontas voltou à rota do Festival Nacional da Canção (Fenac) em 2019. Será a quarta etapa classificatória do festival, com data marcada para os dias 16 e 17 de agosto. Conhecida por ser berço de grandes músicos, com vocação para a cultura e fomentar tantos talentos musicais, a lista dos municípios foi divulgada nesta segunda-feira (14), pela organização. Voltar com o Fenac para Três Pontas, é uma alegria imensa, garante a coordenadora Cristina Marques. “É uma cidade que transpira música e cultura por todos os cantos, além do mais temos uma ligação afetiva muito grande com o município, temos grandes amigos e parceiros musicais, sem contar o público que é maravilho também, que participa em peso do festival”, comemora Cristina Marques.

Em 2017, a Prefeitura de Três Pontas cancelou repentinamente a realização do festival em Três Pontas. Durante os 47 anos de Fenac, nunca, nenhum município havia feito isto, descumprido a adesão ao evento. Ao contrário, existe a disputa para sediar as etapas do maior festival de música do Brasil. A musicalidade que Três Pontas possui expressada por tantos talentos, fez sempre a organização ter um carinho especial pela terra de Milton Nascimento e Wagner Tiso. Na época, a organização informou que houve prejuízo com material impresso e outras mídias que já estavam prontas para divulgação da etapa trespontana. O assunto repercutiu nas redes sociais e o prefeito Dr. Luiz Roberto Laurindo Dias, foi muito criticado.

Quem se aproveitou foi Coqueiral. O município tinha o anseio de organizar seu próprio festival. O prefeito Rossano de Oliveira, se organizou administrativamente e levou para lá, as apresentações e uma multidão de trespontanos, apaixonados por uma música de qualidade e queria ver seus artistas inscritos cantarem.

Em 2019, o Festival Nacional completa a sua 49ª edição, está de volta em Três Pontas e vai percorrer as cidades de Perdões, São Thomé das Letras, Coqueiral, Três Pontas, Nepomuceno e Boa Esperança. Estas são as localidades confirmadas pela organização. Em breve o regulamento e as inscrições para o 49º Fenac vão ser divulgadas no site do Festival e nas redes sociais.

Alex comemora volta do Fenac e confirma Canto Aberto

O secretário municipal de Cultura, Lazer e Turismo Alex Tiso Chaves, comentou como músico, cidadão e chefe da pasta que toda forma de se incentivar e promover a cultura é importante. Ele ressaltou com ênfase que a volta da etapa para a cidade, se dá graças a parceria com a AgroCP, que é uma das patrocinadoras do evento.  A prefeitura vai garantir uma contrapartida, que não vai atrapalhar a realização do Festival Canto Aberto. “Nós assinamos no final do ano passado a carta de intenção pensando na cidade, nos músicos daqui e de fora que participam deste grande movimento nacional”, afirmou Alex Tiso. Ele espera que as parcerias, como estas com a AgroCP estejam sempre acontecendo e beneficiando a cultura e o lazer na cidade. Tiso reintera que há muitos outros eventos a serem realizados, que vão depender como estará a situação financeira diante de tantas incertezas de recursos.

O Fenac

O Festival Nacional da Canção nasceu em 1971 embalado pelo sucesso dos festivais da TV Record, que revelaram grande parte dos principais compositores e intérpretes brasileiros. Realizado ininterruptamente durante 48 anos, consagrou-se como o maior evento do gênero em todo o país. O trófeu Lamartine Babo, que é entregue aos vencedores, passou a ser cobiçado por compositores de norte a sul do Brasil. O Fenac tem, como principal objetivo, incentivar e divulgar valores da música brasileira, sejam eles compositores, intérpretes ou instrumentalistas. Milhares de compositores de todos os estados brasileiros se inscrevem anualmente e 120 mostram o seu trabalho nas cidades que sediam o evento, apresentando a boa música que se faz no país.

COMPARTILHAR

Comentários