Ganhou liberdade, a senhora de 45 anos que é acusada de furtar uma bandeja de bacalhau em um supermercado no centro de Três Pontas. A mulher foi assistida pela Defensoria Pública e a Justiça expediu na tarde de terça-feira (18) um alvará de soltura, determinando que ela fosse liberada. Assim, responderá o processo em liberdade.

Ela foi flagrada pelas câmeras do circuito interno de segurança na última segunda-feira (17), quando colocou dentro de uma bolsa uma bandeja do produto. Presa pela Polícia Militar, ela foi encaminhada à Delegacia de Polícia Civil onde foi ratificado o flagrante e a mulher em seguida foi levada para o Presídio, onde permaneceu por quase 24 horas.

Bastante humilde e simples, ela havia contado aos militares que cometeu o crime porque tem uma criança com necessidades especiais, que estava com vontade de comer bacalhau e ela não tinha dinheiro para comprar.

COMPARTILHAR

5 Comentários

  1. Prender pobre é fácil ,quero ver é colocar bandido do colarinho branco na cadeia ,quando pegam algum nem algemas eles colocam ,tá errado furtar uma bandeja de bacalhau tá sim, mas acho que somos muito insignificantes neste mundo de onde nada levamos pra mandar prender uma pessoa por tão pouco ,chama para um canto e diz que tá errado e pronto ,agora se acontecer de novo a coisa muda de figura. E lei é lei ao menos no papel ,tanto faz uma bala como um carro ,furto é furto .

  2. concordo em partes,se presisa tanto porque nao pede ajuda acho que nao precisava passar por essa umilhaçao pq tem muitas maes humildes,solteiras que e pai e mae tem filho especial ,e nem por isso roupam,acho que ser umilde nao e vergonha pra ninguem,se todos começar a faser isso quero so ver ,pobresa nao e defeito mas falta de carater sim todos os especiais tem varios beneficios isso nao justfica a mim ela nao convenceu ,e o que eeeeuuu penso so lamento.

  3. A atitude dela não foi correta. Mas ponderemos, uma mãe que vê uma filha passando vontade de um alimento, e sabe que provavelmente não ganharia se pedisse, também não tem a mínima possibilidade de comprar, qualquer mãe no lugar dela faria alguma coisa gente! A ” coisa” que ela fez não foi correta, sim, mas daí ir parar em um presídio com assassinas e traficantes, não é certo. Deveria haver uma punição sim, mas essa foi demasiada injusta.

  4. NÃO ESTOU ENTENDENDO MAIS NADA…FURTO SIMPLES COM PRISÃO EM FLAGRANTE E CONDUÇÃO À CADEIA PÚBLICA???? Tenho visto prisão de vários traficantes, e assaltantes na cidade e que são levados pra Varginha, ouvidos e liberados…Deve ter dois tipos de procedimento penal nesta cidade…só pode…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here