A morte do Sargento Rodrigo Sarto Lomonte Oliveira de 37 anos, morto após perseguição policial em Boa Esperança repercutiu em todo o estado de Minas Gerais neste domingo (17).

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), lamentou a morte do sargento em uma rede social e enviou sentimentos à família. Em outra mensagem, Zema informou que a polícia segue nas buscas.

O perfil oficial da Polícia Militar de Minas Gerais em uma rede social também publicou uma homenagem ao militar. “Faleceu em serviço na noite de ontem o Sgt Rodrigo Sarto em uma perseguição policial a dois infratores na cidade de Boa Esperança. O militar tinha 37 anos, deixou a esposa e um filho pequeno. Nossa continência guerreiro”, diz a publicação.

A Câmara Municipal de Três Pontas também enviou nota à imprensa manifestando pesar da morte do PM. “É com iimenso e profundo pesar que recebemos a notícia do falecimento do Sargento da Polícia Militar de Minas Gerais Rodrigo Sarto. Um homem íntegro, que sempre lutou na defesa dos cidadãos de bem. Lamentamos profundamente pelo ocorrido em especial a Câmara Municipal de Três Pontas presta suas condolências a esposa de Rodrigo, Rizia Sarto que trabalhou conosco durante 4 anos, construindo grande relação de amizade, carinho e respeito. Neste momento doloroso, todos os vereadores e servidores do Poder Legislativo Municipal solidarizam-se com seus familiares, rogando a Deus que conforte a todos por esta grande perda”. A nota é assinada pelo presidente da Câmara Maycon Machado.

O prefeito de Três Pontas Marcelo Chaves usou sua página pessoal em uma rede social para lamentar a morte do policial. “Hoje o dia é de muita tristeza, perdemos um grande conterrâneo, de uma instituição que merece todo nosso respeito como a nossa Polícia Militar de Minas Gerais! São nossos heróis, porque arriscam suas vidas por nós! Meu respeito eterno e meus sentimentos para toda a família”.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here