Fotos: Arquivo Divulgação

 

Loui Jordan

O Grupo Boa Vizinhança está preparando mais uma edição da Festa que leva o nome do grupo. A intenção é unir as pessoas, principalmente as crianças e claro, comemorar a oportunidade de construir relações humanas, através da festa de Natal.

O Grupo Boa Vizinhança é formado por moradores e obviamente vizinhos da nua Alagoas, do bairro Santa Edwiges. Idealizado por Adriana de Oliveira Vieira, o grupo começou em 2012 e a intenção é clara: unir a vizinhança em prol de um ato festivo destinado às crianças e todos que quiserem participar. São cerca de 20 pessoas que fazem parte do grupo e a ideia de Adriana é fazer com que as pessoas interajam umas com as outras.

O evento que em si é a Festa da Boa Vizinhança, já acontecia três vezes no ano. Tanto no Dia das Crianças, quanto nas festas Juninas e Natal. O propósito era alcançado, no entanto, por questões de patrocínio, ficou apenas no Natal. Neste ano de 2019, a tão aguardada Festa da Boa Vizinhança está marcada para o dia 22 de dezembro, às 10 horas. É bom se atentarem já que nas edições anteriores a comemoração era durante a tarde. A mudança foi por causa da alta temperatura registrada que acaba provocando chuva. “Neste horário a gente consegue melhorar a logística do apoio que recebemos dos motociclistas que vem de outras cidades, como Três Corações, Machado. Eles vão apoiar a festa mais uma vez. Eles trazem o Papai Noel e ajudam nas rifas. Ano passado, por exemplo, eles ajudaram a pagar o aluguel dos brinquedos”, agradece Adriana. Além da presença do Moto Clube Combatentes do Asfalto, a Banda Cabruxos, é a atração musical e voluntária que sobem no palco.

Durante a festa, muitos brinquedos estarão disponíveis. Adriana alugou cerca de 9 brinquedos, entre eles, área baby, piscina de bolinha e tobogã. Para a criançada também tem algodão doce, refrigerantes, pipoca, entre outras guloseimas. Tem opção para todas as idades e tudo isto é fruto do dinheiro arrecadado com as rifas e da colaboração dos patrocinadores.

A rua fica lotada. É gente de todos os lugares que participam e prestigiam. Da zona rural do Município até de São Paulo (SP). Já teve gente da capital paulista na festa, que estava visitando familiares e gostaram.“Tem muitas crianças que tem muita coisa em casa, mas não convive com outras crianças. Têm muitas mães, donas de casa, que não saem para lugar nenhum, então a minha ideia foi essa, trazer as crianças. Aqui é assim, quem tem participa e quem não tem, participa também, convida”, Adriana de Oliveira.

O grupo está vendendo rifas que contemplam ao vencedor os seguintes prêmios: uma caixa de cerveja, um liquidificador, uma boneca ofertada pelo Sacolão Santo Expedito e um vale maquiagem do Boticário. Eles são patrocinadores do evento. A rifa custa R$5 reais e estão sendo vendidos 500 bilhetes.

O gesto simples e nobre

O que era uma ideia de vizinhos, se tornou uma prática que faz interagir com as diferenças e as boas atitudes, sejam elas de quem for. Tanto a rifa, quanto principalmente os patrocínios foram ideias que deram certo. O gesto nobre começou mesmo com a ajuda de vizinhos. No início, quando a ideia surgiu, não havia patrocinador. Tudo começou quando Adriana e sua xará, conversavam sobre o fato de haver poucas festas para as crianças. De acordo com Adriana, a persistência em plantar uma semente de grande valor, falou mais alto. “Eu sempre tive vontade e quis então correr atrás. Comecei chamando pelos vizinhos que já eram unidos e agora são mais ainda”, conta a mentora da ideia.

Um exemplo dessa persistência é o fato da festa ter esse ano um gerador para funcionar os brinquedos. Entre os vizinhos e colaboradores, todos ajudam da forma que podem. Ao lado de Adriana estão: Rogério André de Oliveira, Ariadna de Freitas Marcelino Oliveira, Tati Botrel, Elaine Nicolau, Artêmio Vitor de Oliveira e Alison Vitor de Freitas Marcelino, da Banda Cabruxos.

Entres os patrocinadores, estão – Serviço de Antena SKY, Citrus Padre Victor, Moto Clube Combatentes do Asfalto, Conecta, Sandra Tricot, Sacolão Santo Expedito, Banda Cabruxos, JP Shoes, Oficina Dual e Boticário. Estes são os principais colaboradores e patrocinadores. Há outros que estão sob a batuta de outros integrantes do grupo, que com amor fazem esse bonito trabalho. O gesto se torna mais bonito, quando em conjunto, é mais que uma festa, é um simbolismo de afeto e reconhecimento ao próximo.

Em 2018, a Festa da Boa Vizinhança recebeu cerca de 500 crianças e todas levaram de presente para casa um brinquedo e ainda teve algumas que ganharam mais de um. A expectativa é que um público ainda maior seja recebido, devido ao empenho, dedicação e divulgação. Rogério de Oliveira, que é um dos voluntários bastante ativo, afirma que o evento cresceu muito e qualquer ajuda é bem vinda para atender o maior número de crianças. “É um evento que começou aqui com Adriana que é nossa vizinha e foi crescendo aos poucos. No começo só com os vizinhos e as crianças daqui. Hoje graças a Deus e com empenho das pessoas, se tornou muito grande e tem a participação de crianças carentes de vários bairros”, contou Rogério.

Quem puder contribuir, com qualquer ajuda ou valor financeiro, pode entregar na Rua Alagoas 584, no bairro Santa Edwirges.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here