Fotos: Denis Pereira/Equipe Positiva

 

Três crianças que estavam em um dos carros, junto com cinco adultos não ficaram feridas

Um homem de 53 anos morreu em um acidente na madrugada deste domingo (06), na rodovia MG 167, entre Três Pontas e Santana da Vargem. O acidente envolveu 12 pessoas que estavam em 2 veículos incluindo 3 crianças e 9 delas ficaram feridas.

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária Estadual, os carros, seguiam em direção oposta e bateram de frente próximo do trevo de entrada da Fazenda Experimental da Epamig. Em um Volswagen com placas de Santana da Vargem, trafegava sentido Três Pontas, estavam quatro homens, todos eles ficaram feridos, um deles ficou preso nas ferragens e o Corpo de Bombeiros de Varginha teve que serrar a lataria para fazer o socorro. Romildo Francisco de Paula que estava no banco do passageiro na frente, foi socorrido para o Pronto Atendimento Municipal de Três Pontas, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ele reside na Fazenda Pedra Branca, na zona rural de Três Pontas. Um outro passageiro, foi levado em estado grave para o Pronto Atendimento do Hospital Bom Pastor em Varginha.

No Uno, com placas de Conceição do Rio Verde, haviam 8 pessoas que são de Coqueiral, sendo 5 adultos e três crianças, sendo dois meninos de 2 anos e uma menina de 4 anos de idade. Um casal que mora em uma propriedade e estavam saindo deram apoio às crianças até a chegada do socorro. Os adultos tiveram ferimentos leves e também foram levados para o PAM em Três Pontas. As crianças não sofreram ferimentos.

A mulher que estava dirigindo o Uno, disse que o motorista do Volswagen estava iniciando uma ultrapassagem onde teria provocado o acidente. A Perícia da Polícia Civil esteve no local e vai apurar as causas do acidente.

Ambos os veículos ficaram bastante destruídos e peças ficaram espalhadas pela rodovia. O trânsito precisou ser fechado por cerca de 15 minutos, mas não houve congestionamento. O acidente mobilizou o SAMU de Três Pontas, Varginha e Boa Esperança, os Bombeiros de Varginha e Boa Esperança, além de ambulância  das prefeituras de Três Pontas e Santana da Vargem. As viaturas da PM de Três Pontas foram as primeiras a chegarem. Os Socorristas Voluntários deram apoio no socorro às vítimas e a Guarda Civil Municipal (GCM) deu suporte às crianças.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here