No último domingo (19), A Academia da Força Aérea promoveu mais um “Domingo Aéreo”, evento anual que acontece sempre no mês de agosto, em que a AFA abre seus portões para receber um grande público para uma visitação às suas instalações.

Durante todo o dia, acontece uma programação intensa de pousos e decolagens de aeronaves militares e civis, como sobrevôos de diversos esquadrões da Força Aérea Brasileira, que encantam o público. Reúne, também, exposições de  aeronaves, plastimodelismo, carros de combate do 13º Regimento de Cavalaria Mecanizado do Exército Brasileiro, a presença da Banda de Música da AFA. O ponto alto, é quando se apresenta a famosa Esquadrilha da Fumaça. Suas acrobacias são de arrancar suspiros.

O Portões Abertos é um dos mais tradicionais eventos aeronáuticos do país, realizada na Academia da Força Aérea Brasileira, desde o fim de década de 70. São atrações para a família inteira.

Como todos os anos, uma excursão composta por trespontanos vai até Pirassununga (SP) assistir as apresentações que começam as 9:00 da manhã e só termina as 17:00 horas. Neste ano, foram 33 pessoas, que pelo sexto ano consecutivo participaram deste dia tão especial.

Membros da Força Aérea e o trespontano Wilian Rodrigues

Um dos apaixonados pelos aviões é Willian Rodrigues, que integra a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia do Hospital São Francisco de Assis. Em ofício enviado à AFA, ele solicitou ano passado que parte da doação dos alimentos não perecíveis feita espontaneamente pelos visitantes e doados para entidades particulares e públicas fossem destinados à Santa Casa. No documento eles explicaram a situação da entidade, que luta diariamente para manter suas portas abertas. A resposta foi positiva, parte do montante arrecadado acabaram vindo mesmo para Três Pontas e pela primeira vez não foi destinado a entidades em torno de Pirassununga.

Na tarde desta segunda-feira (20), em uma carreata, membros da diretoria e da Irmandade comemoraram a chegada destes alimentos que vão dar sustância à dispensa do Hospital. São diversos itens, como arroz, feijão, açúcar, macarrão, farinha de trigo, fubá, café, litros de óleo, entre outros. Em seguida foram entregues os 3.274 quilos na Santa Casa.

COMPARTILHAR

Comentários