As buscas aos garotos que desapareceram no Lago de Furnas, completou neste domingo (22), já uma semana. A angústia pela procura dos adolescentes de 11 e 17 anos, que teriam se afogado durante a pescaria da família continua e está mobilizando equipes do Corpo de Bombeiros do Batalhão de Varginha, além de voluntários e pescadores.

Durante todo este domingo, moradores do Distrito do Pontalete acompanharam as buscas próximo da ponte no local. Amigos das famílias em dois barcos também atuaram e a equipe de militares se dividiram para melhor coordenação da operação.

 

Barcos, lanchas e jet skis foram utilizados, para  revirar a vegetação marginal do rio, no  intuito de que caso os corpos estivessem presos por baixo destas vegetações, seriam liberados e acabariam boiando. Um militar com a cadela “Candy” do Canil também foram empenhados.

Até a balsa foi levada para próximo da ponte onde pescadores estão fazendo a limpeza, utilizando máquina retroescavadeira e tratores. O helicóptero Arcanjo dos Bombeiros também foi empenhado nas buscas, pousou no Distrito e realizou sobrevôo, do ponto exato do afogamento, na região da Prainha, passando pela ponte e chegando até Fama, há 27 km do local do acidente.

Nesta segunda-feira, 9º dia do trabalho de buscas elas foram iniciadas no começo da manhã e seguem durante todo o dia, até escurecer.

Uma imagem de Nossa Senhora Aparecida foi colocada na ponte, onde as pessoas também fazem orações.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here